Televisão

Estreante em novelas, Bruna Inocêncio diz se inspirar em Viola Davis: 'Chance da vida'

Jovem de 24 anos trabalhava como modelo antes de 'Bom Sucesso'

Alice é a personagem de Bruna Inocêncio em "Bom Sucesso"
Alice é a personagem de Bruna Inocêncio em "Bom Sucesso" - Raquel Cunha/Globo
Leonardo Volpato
São Paulo

Bruna Inocêncio, 24, faz seu primeiro papel como atriz em “Bom Sucesso”, trama das sete da Globo. Ela interpreta Alice, a filha mais velha da personagem de Grazi Massafera (Paloma), protagonista do folhetim.

Antes de chegar à televisão, ela trabalhava como modelo desde os 16 anos para diversas marcas. Quando estava em Los Angeles, Inocêncio fez curso de interpretação antes de retornar ao Brasil e consquitar o papel de Alice. "É o primeiro trabalho, minha estreia. Fiz teste para entrar e deu certo."

Na trama, Alice é uma jovem cujo nome dado por Paloma (Grazi) é inspirado no clássico da literatura "Alice no País das Maravilhas", Lewis Carroll. Na narrativa de "Bom Sucesso", escrita por Paulo Halm e Rosane Svartman, a personagem de Inocêncio é tímida e vai se apaixonar pelo menino mais popular da escola. 

“Foi muito louco porque quando li o monólogo de Alice, eu vi que ela era muito parecida comigo. Também tenho apreço a livros. Quando olhei, disse: ‘Preciso pegar esse trabalho porque compartilho com ela esse amor pela literatura'”, rememora.

Como modelo, Bruna trabalhou durante sete anos em grandes agências, como a Ford Models, e sempre foi muito elogiada pelo tipo físico e pela altura. Até mesmo por esses atributos que ela percebeu que poderia se destacar também à frente das câmeras.

E as inspirações para essa nova fase são bastante significativas. Ela cita como referências as atrizes Taís Araújo e Viola Davis, e sua parceira de cena em “Bom Sucesso. “A própria Grazi é uma inspiração. Com ela minha relação é ótima, é tipo mãe mesmo nos bastidores. Ela me ajuda muito, dá dicas em cena, fala para fazer de uma determinada maneira que ficará melhor. Ela é ótima”, comenta.

​Na pele de Alice, Inocêncio também contracenará com os atores João Bravo e Giovanna Coimbra, que representam seus irmãos, Peter e Gabriela. O pai dela na história é Ramon, personagem de David Junior que vai tentar a vida como jogador de basquete nos Estados Unidos e com quem ela não se dá muito bem. “Estou muito feliz, meu sonho é viver disso para sempre e fazer o meu melhor”, diz a atriz .

Para ela, é uma oportunidade para mostrar que tem talento para continuar na emissora e para fazer novos projetos. “É a chance da minha vida, com certeza. É o que descobri que amo fazer e fico feliz.”

Além de Bruna Inocêncio, a trama de “Bom Sucesso” tem muitas caras novas e é considerada pelos próprios diretores como um folhetim colorido. A equipe de autores e diretores optou por escalar elenco e equipe técnica plural, capaz de levar diversidade, tanto para a tela quanto para fora dela. “A gente precisa que outras pessoas se enxerguem nesses personagens, que se vejam na cor, no cabelo, na raça, em tudo”, opina a atriz.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias