Música

Cantor Falcão comemora 30 anos de carreira com DVD que será gravado no bar onde tudo começou

Aos 61 anos, músico tem programa na TV Ceará e estreará em série

Humor é marca registrada do Falcão
Humor é marca registrada do Falcão - Reprodução/Instagram
Gilmara Santos
São Paulo

Quem vê o cantor, humorista e apresentador Falcão com toda sua espontaneidade e controle de cena não imagina que ele entrou para a vida artística bem tarde, já com 31 anos. Agora, aos 61 anos, o artista comemora 30 anos de carreira e mostra que está a todo vapor.

"Estamos terminando de gravar o seriado 'Os Roni', que está sendo maravilhoso, tenho meu programa Leruaite, em Fortaleza, três longas para serem lançados, um stand-up musical com voz e violão em São Paulo e agora estou começando a pensar no DVD de 30 anos de carreira", diz.

O Leruaite vai ao ar toda quarta-feira, às 21h30, na TV Ceará, com reprise aos domingos, às 22h. A atração traz entrevistas com personalidades, música e todo o bom humor cearense. "É uma grande mistura de conversa mole mesmo", brinca Falcão.

Já na série "Os Roni", que estreia dia 11 de abril, no canal Multishow, o músico faz o porteiro Braguinha, que gosta de falar muito. Também estão no elenco os humoristas Whindersson Nunes, Tirullipa e Carlinhos Maia. 

Com a agenda superlotada, Falcão acabou deixando o Carnaval em segundo plano neste ano, apesar de o artista afirmar que adora a festa popular, mas promete animar para o próximo ano. "No Ceará já tenho um bloco e agora estamos preparando para 2020 o bloco Coração de Frango", comenta o artista.

O DVD de 30 anos de carreira ainda não tem data para a gravação, mas o local já está confirmado: "Quero que seja no Bar do Pirata, lá em Fortaleza, porque foi lá que tudo começou".

Falcão pretende trazer para a gravação todos os músicos que já trabalharam com ele, além de participações especiais.

Nesses 30 anos de carreira, Falcão gravou nove CDs, participou de dez filmes e diversos espetáculos. "Só faltou fazer novela", diz.

Antes de enveredar pelo mundo artístico, Falcão se formou em arquitetura e chegou a exercer a profissão em um escritório que montou em Fortaleza. "Mas logo na sequência veio o primeiro disco e não tive mais tempo de fazer arquitetura", brinca.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias