Música

Após sucesso, Safadão terá Marília Mendonça e Aldair Playboy na edição 2019 de seu cruzeiro

Primeira temporada reuniu mais de 4.300 pessoas em quatro dias

Wesley Safadão cantou por seis horas no primeiro cruzeiro temático de sua vida
Wesley Safadão cantou por seis horas no primeiro cruzeiro temático de sua vida - Divulgação
Sidney Gonçalves do Carmo
São Paulo

“Sou casada há dois anos e meio.
E eu e meu marido estávamos pensando em ter um filho, mas adiamos um pouquinho quando descobrimos que teria o cruzeiro de Wesley Safadão”, disse Fabiana Passos Nicolli Cabral, 32, casada há quase três anos com Bruno Cabral. 

Essa é uma das centenas de histórias dos quase 4.300 passageiros que embarcaram em novembro para quatro dias com o músico e seus convidados famosos, como Thiaguinho, Gabriel Diniz, Bell Marques, Márcia Fellipe e DJ Jopin, além do grupo de dança FitDance, e o stand up do comediante Tirullipa.

“A gente sabe do carinho das pessoas que estão presentes aqui, nesse primeiro cruzeiro. E isso também tem um significado importante para elas. Tem tantas histórias que vocês não têm noção, como a de um cara que comprou cabine e mudou o nome da acompanhante três vezes. E tem mulher que  também fez isso”, lembra Wesley.

Foram mais de três anos de espera para que Wesley Safadão concretizasse mais um sonho em sua carreira profissional: o Cruzeiro WS on Board. A ideia surgiu em 2015 durante show do cantor em Brasília. De lá para cá, Wesley foi buscando parcerias e consolidando sua carreira solo, que começou em 2014, após deixar a banda Garota Safada. 

“Tem que sonhar e fazer as coisas com muito amor e profissionalismo. Quando anunciamos o cruzeiro, nós tivemos muitos pedidos de reserva. Ninguém esperava tanta reserva e conseguimos que pessoas de todos os estados estivessem aqui”, afirma o cantor.

O sucesso do primeiro cruzeiro temático garantiu mais uma temporada em 2019. E uma das grandes novidades é a participação de Marília Mendonça, Aldair Playboy e Vintage Culture que se unem aos convidados do primeiro transatlântico, com exceção de Thiaguinho. 

“É muito bom poder contar que o WS on Board vai zarpar de novo. É uma alegria sem fim. Viver essa experiência foi inesquecível não só para mim, mas para todos que embarcaram comigo nesse projeto. E podem aguardar, estamos trabalhando muito para que que o próximo seja ainda mais inesquecível”, disse Safadão. 

O cruzeiro WS no Board manterá a mesma rota, saindo do Porto de Santos, no litoral paulista, no dia 23 de novembro, passando por Búzios e Ilha Grande, no Rio, e retornando para São Paulo. De acordo com a assessoria do cantor, o primeiro lote do cruzeiro 2019 já está quase todo vendido.  

Ao lado da família, dos amigos e de muitos fãs, Wesley cantou por pouco mais de seis horas no palco montado no centro do navio MSC Fantasia, em novembro passado. Até então, o artista só havia ficado tanto tempo no palco durante os trios elétricos no Carnaval. 

O show começou por volta das 3h30 e nem a forte neblina e o vento desanimaram o público, que permaneceu até o início da manhã. A apresentação rememorou as principais canções do cantor e as músicas de seu mais recente álbum, “WS Mais Uma Vez”, projeto mais intimista de Wesley, gravado em agosto no Rio e disponibilizado em setembro.

“Achei muito bom. Exatamente o que eu esperava, amanhecer o dia com Safadão cantando. Nem mesmo a chuva foi capaz de acabar com nossa energia. Muito pelo contrário, acho que nos revigorou”, disse Renata Passos Nicolli, 31, que viajou com um grupo de quase dez pessoas. “Com certeza irei em 2019. Estou esperando meus amigos para fechar. Mas essa já é uma certeza. Inclusive já até avisei no meu serviço”, completa. 

Nessa primeira temporada, Wesley Safadão trouxe Bell Marques, Thiaguinho, Gabriel Diniz, Márcia Fellipe e DJ Jopin. “Todos os artistas que estão aqui são meus amigos. Bell, por exemplo, é uma pessoa que eu sempre me inspirei. Sempre observei todos os detalhes da carreira dele, que veio se inovando décadas e décadas”, disse Safadão.

O cantor também afirmou que a mudança do nome para “WS” se deve aos novos projetos de sua carreira. “Poucas pessoas me chamavam de Wesley e, diante desses projetos como em Miami, começaram a me chamar de ‘WS’ . É uma forma de caracterizarmos nossos eventos, pois tudo está envolvido na marca Wesley Safadão. Mas o povo está a vontade para me chamar como quiser”. 

Sobre a carreira internacional, Safadão afirmou que tudo é um processo e que o cruzeiro é um grande passo para atingir o objetivo. “Fazemos tudo com consistência para chegar da melhor forma possível. É um desejo e já fizemos várias turnês. Se manter bem no Brasil já é um grande desafio e a carreira internacional a gente vai conseguir realizar.”

O casal de atores Bianca Bin e Sérgio Guizé, o cantor MC Gui com a família, as irmãs Minerato, Ana Paula e Tatiana, e o ex-jogador Hulk estiveram no navio para prestigiar Safadão.

“Não tem como não conhecer Wesley Safadão e não ouvir o som dele. Tenho respeito enorme pela carreira estrondosa e meteórica. Ele tem só 30 anos e tem uma carreira incrível”, disse Bianca, que conheceu pessoalmente o cantor no cruzeiro. 

Ela também comentou ter sido a primeira experiência em um transatlântico e destacou o caráter familiar de Safadão. “O que mais me encanta é a relação familiar dele. Apesar da demanda do trabalho, ele consegue manter os filhos por perto. É um exemplo para muita gente.”

Se Bianca Bin teve a oportunidade de encontrar pessoalmente Safadão, o mesmo não aconteceu com boa parte dos fãs que queriam ter tido mais contato com o artista. “Apesar de ter sido maravilhoso, eu imaginava um pouco diferente. Achei que ele estaria mais presente e interagindo mais com o público. Infelizmente, eu não consegui me encontrar com ele. Mas tenho certeza que oportunidades não irão me faltar”, disse Renata. 

Safadão entrou no transatlântico apenas no segundo dia de viagem. Antes de embarcar, o músico fez um show no Rio de Janeiro. No final, o cantor brincou: “O que acontece no navio fica no navio. A gente só é feliz quando se alegra também com a felicidade dos outros.”

Para 2019, Wesley Safadão afirmou que vem com mais parcerias e a gravação de um DVD no Rio, outro sonho antigo. Ele também falou que não pensa em diminuir o ritmo, pois foram longos anos de trabalho até chegar a esse momento.

WS on Board - MSC Fantasia

  • Quando 23 a 26 de novembro de 2019
  • Onde Saída do Porto de Santos, passando por Búzios e Ilha Grande
  • Preço A partir de R$ 2960 por pessoa
  • Mais informações wsonboard.com.br
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias