De faixa a coroa

Saiba quem é a miss que está no BBB 20 e relembre misses e misters que passaram pelo reality

Mari Gonzalez foi Miss Lauro de Freitas (BA) 2013 e, depois, ela virou panicat

Mari Gonzalez, Miss Lauro de Freitas (BA) 2013
Mari Gonzalez, Miss Lauro de Freitas (BA) 2013 - Instagram/marigonzalez

Já virou uma tradição e, em quase todas as edições, o Big Brother Brasil (Globo), tem em seu elenco uma candidata ou candidato com passagem pelo mundo miss. Alguns são de franquias famosas, com faixas cobiçadas, outros nem tanto, porém não menos importantes.

No BBB deste ano, que começou na terça (21) passada, não podia ser diferente e a emissora carioca trouxe Mari Gonzalez, 25. Natural de Salvador (BA), aos 19 anos a modelo foi candidata municipal no Miss Bahia 2013, representando a cidade de Lauro de Freitas.

Uma das juradas do concurso, inclusive, foi a brasileira Martha Vasconcellos, Miss Universo 1968, que também é baiana. Gonzalez não se classificou entre as 30 candidatas da competição, que foi conquistada pela representante de Santa Cruz, Priscila Cidreira. A vencedora, por sua vez, representou a Bahia no Miss Brasil Universo daquele ano, vencido pela mato-grossense Jakelyne Oliveira.

Depois desse flop, Gonzalez não desistiu de sua luta pelo estrelato e, no ano seguinte, ela se tornou uma das panicats do extinto Pânico na Band e, enfim, ganhou os holofotes. Ficou nacionalmente conhecida como Mari Baianinha, e passou por todas as peripécias da trupe comandada por Emílio Surita.

Hoje, alguns anos depois, a miss é musa fitness e conta com 3,5 milhões de seguidores na rede social Instagram, seu principal meio de comunicação. Aliás, o número vem crescendo vertiginosamente desde a sua entrada na casa do BBB, há apenas dois dias.

Outra curiosidade sobre Gonzalez é que ela é noiva de um ex-BBB, o gaúcho Jonas Sulzbach, 33, que participou do programa em 2012. Sulzbach também é muso fitness e usa as redes sociais para se auto divulgar, mas, a maior coincidência é que ele também tem histórico no mundo miss, e foi o detentor do título de Mister Brasil CNB 2010.

Além de Gonzalez, entre as misses mais famosas que passaram pela “casa mais vigiada do Brasil” estão Grazi Massafera (BBB 5), Joseane Oliveira (BBB 3 e BBB 10), Natália Casassola (BBB 7 e BBB 13), Francine Piaia (BBB 9), Adriana Sant’Anna (BBB 11), Kamilla Salgado (BBB 13).

Dessa lista, se houvesse uma protagonista, seria com certeza Joseane Oliveira, que perdeu seu título nacional pouco depois de entrar no reality show. A gaúcha foi Miss Brasil 2002 e defendeu o país no Miss Universo daquele ano, mas durante seu primeiro BBB, no início de 2003, deixou escapar que era casada. 

Foi um escândalo no mundo miss! E, não é segredo para ninguém que nos concursos mais tradicionais de miss até hoje não é permitido candidatas casadas. A polêmica da miss ser casada fica para uma outra coluna mas, o fato é que ela, sim, é uma verdadeira ex-miss, uma vez que foi deposta. As outras são ainda misses, cada uma com seu título de seu respectivo ano.

Além de Sulzbach, entre os misters que figuraram como destaques na mansão do BBB estão Eliéser Ambrósio nos BBBs 10 e 13 (ele foi Mister Goioerê/PR 2009), Rodrigão Gomes no BBB 11 (Mister Paraná 2010) e Renan Oliveira no BBB 16 (Mister Atol das Rocas/RJ 2011) –todos ligados ao Mister Brasil CNB, que leva ao Mister World. 

MISSES EM OUTROS REALITIES

O BBB criou, de certa forma, uma tendência e outros realities da TV brasileira também levaram misses e misters aos seus respectivos confinamentos. A mais recente foi a vencedora do Miss São Paulo 2016 (Universo), a modelo Sabrina de Paiva, 24, que estava no elenco da 11ª edição de A Fazenda (Record TV). 

Ela foi a primeira Miss Caconde (a 300 km de São Paulo) a vencer o estadual. Porém, ela não se classificou entre as finalistas do ​Miss Brasil daquele ano, cuja coroa ficou com Raíssa Santana. À época, ela contou à imprensa que ser miss era um sonho de infância.  

Além disso, ela precisou de apoio da família e de uma "vaquinha" para arrecadar cerca de R$ 7.000 para bancar os custos com trajes e acessórios para a competição. Com um cabelo black power e muita atitude, na época em que venceu o certame de beleza desfilou em carro de bombeiros pela cidade natal e foi homenageada pelos conterrâneos.

Fora as participantes do Miss Bumbum, além de Paiva também são ex-misses-peoas Rayanne Morais, Miss Rio de Janeiro 2012 (Fazenda 8) e Débora Lyra, Miss Brasil 2010 (Fazenda 7). 

Do lado masculino, a casa da Record recebeu misters de franquias não tão conhecidas, como o Mister Brasil do sindicato Pró-Beleza. Entre eles estão Caíque Aguiar da Fazendo 2018 (Mister Brasil 2016) e Lucas Viana (Mister Brasil 2015), que estava na edição de 2019, ao lado de Paiva.

De faixa a coroa

Fábio Luís de Paula é jornalista especializado na cobertura de concursos de beleza, sendo os principais deles o Miss Brasil, Miss Universo, Miss Mundo e Mister Brasil. Formado em jornalismo pelo Mackenzie, passou por Redações da Folha e do UOL, além de assessorias e comunicação corporativa.
Contato ou sugestões, acesse instagram.com/defaixaacoroa e facebook.com/defaixaacoroa

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem