Zapping - Cristina Padiglione
Descrição de chapéu música caetano veloso mpb

Remake de 'Pantanal' pode ser exibido em 2021 na Globo

Trama pode tomar vaga de João Emanuel após 'Um Lugar ao Sol', de Lícia Manzo

A Cristiana Oliveira em cena da novela "Pantanal", de 1990 - Reprodução

A próxima novela de João Emanuel Carneiro (até aqui planejada para estrear após “Um Lugar ao Sol”, de Lícia Manzo, sucessora de “Amor de Mãe”) poderá perder seu lugar na fila de novelas das nove para o remake de “Pantanal”, de Benedito Ruy Barbosa, que fez história na extinta Rede Manchete em 1990.

À coluna, a Globo informou que trabalha com as duas hipóteses para a sucessão de “Um Lugar ao Sol”. A releitura de “Pantanal” vem sendo preparada por Bruno Luperi, neto de Barbosa, sob alguma supervisão do avô, que tem lá suas sugestões inclusive para o elenco.

Embora a Globo não tenha cravado que João Emanuel escreveria a segunda novela das nove de 2021, a produção já conta até com atores escalados, como Tony Ramos, Edson Celulari e Glória Pires. Em lives, Ramos e Celulari já falaram sobre a missão, agora sem data definida.

REVEZAMENTO

A vantagem de exibir “Pantanal” em 2021 seria revezar o cenário e abrir espaço para uma trama rural, segmento ausente da faixa nobre desde 2016, quando acabou “Velho Chico”, também de Benedito Ruy Barbosa. Mas será preciso contar com vacina contra a Covid-19 em pleno funcionamento.

ONÇA

“Pantanal” requer movimentação de equipe e viagens por território pouco familiar à maioria dos funcionários da Globo. Não é novela para muito estúdio ou cidade cenográfica. E a grande bolsa de apostas é saber quem seria a nova Juma Marruá, a personagem que virava onça e catapultou Cristiana Oliveira para a fama há 30 anos.

NOSTALGIA

Protagonista de “Sassaricando”, uma das raras novelas que fez na vida, Paulo Autran completaria 98 anos neste 7 de setembro, véspera da estreia da novela de Silvio de Abreu no canal Viva: vai ao ar às 14h30, com reprise à 0h45. Em breve, sua releitura, “Haja Coração”, poderá ser vista na Globo, às 19h35.

Abreu lembra que “o amor na terceira idade era raramente abordado em novelas”. “Também queria dar um bom personagem ao Paulo Autran, com quem tinha conseguido enorme sucesso em ‘Guerra dos Sexos’. Juntei Paulo com três atrizes de quem gostava muito: Tônia Carrero, Eva Wilma e Irene Ravache.”

AUDIÊNCIA

5,2 pontos
teve o Triturando na quarta-feira (2), com SBT à frente da Record

3,4 pontos
marcou a reprise de “Mutantes - Caminhos do Coração”, em baixa, na Record, nesta quarta

A BOA DO DIA

Caetano Veloso fala a Bial sobre sua prisão em 1968, retratada em novo documentário
Conversa com Bial: Globo, à 1h25

Zapping - Cristina Padiglione

Cristina Padiglione, 50, é jornalista e escreve sobre assuntos relacionados à televisão. Ela cobre a área desde 1991, quando a TV paga ainda engatinhava. Ela passou pelas Redações dos jornais Folha da Tarde (1992-1995), Folha (1997-1999) e O Estado de S. Paulo (2000-2016), entre outras publicações. Ela também tem o blog Telepadi (telepadi.folha.com.br), hospedado no site da Folha.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem