Aventura na cozinha

Aprenda a preparar torta individual prática, com recheio de vegetais

Torta no pote fica pronta em meia hora e é perfeita para refeições rápidas

Torta de pote de vegetais

Torta de pote de vegetais Juliana Ventura/Folhapress

Olá, cozinheiros! Bem-vindos a mais uma aventura na cozinha!

Você que está sempre correndo e procura uma receita rapidinha, gostosa e daquelas que aquecem o estômago. Esta coluna é para você! O prato de hoje é um daqueles epítomes da cozinha de afeto, que dão conforto para a alma. A torta de pote é tudo isso e fica pronta em cerca de meia hora (eu contei).

Sou particularmente fã do uso de massa folhada na cozinha. Idealmente, ela seria feita do zero, com manteiga e farinha, em camadas que inflam ao entrarem no forno e formam as clássicas camadas crocantes.

No entanto, como já falei anteriormente, as versões prontas, encontradas em supermercados, são de boa qualidade. Em geral, não usam uma série de ingredientes com mais números do que letras no nome e podem ser considerados alimentos processados. Ou seja, ingredientes, como macarrão, pasta de tomate ou creme de leite. A massa folhada é prática e cria um invólucro delicioso para a comida. No caso da receita de hoje, uma “tampa”.

Como muitas das preparações que trago nesta coluna, essa é mais uma que pode abrir infinitas portas de versões. Usei um recheio à base de palmito, para que a tortinha lembrasse em grande medida uma empada –entre os salgados, o melhor, que me perdoem as coxinhas. Porém, aqui cabe basicamente qualquer recheio, o que é ótimo, pois é possível aproveitar as sobras da geladeira.

Para quem quer ter ideias de como variar, a mesma base da receita a seguir pode ser usada com frango, carne moída, camarão, cogumelos e outros legumes, como brócolis, cenoura, vagem ou couve-flor. Queijos também são bem-vindos.

Para dias não muito quentes, uma dica é fazer um refogado com cebola caramelizada (quem acompanha a coluna, já viu o uso dessa preparação aqui uma série de vezes), bacon bem fritinho e batata ralada (o refogado ajuda a cozinhar e o forno termina o cozimento). Tire do fogo, adicione um belo punhado de queijo do tipo que derrete bem como muçarela ou emmental, cubra com a massa folhada e forno. É de dar água na boca.

Fique em casa se possível e vamos para a cozinha? Até a próxima!


TORTA NO POTE

Dificuldade: Fácil
Rendimento: 6 unidades pessoas

Ingredientes
- 2 colheres (sopa) de azeite de oliva
- 2 colheres (sopa) de amido de milho
- 1 cebola média bem picada
- 1 pimenta dedo-de-moça picada
- 2 dentes de alho bem picados
- 1 tomate médio maduros picados
- 2 xícaras (chá) de palmito em conserva picado
- 1 xícara (chá) de ervilha
- ¼ xícara de cheiro verde picado
- Sal e pimenta-do-reino a gosto
- 6 círculos de massa folhada de cerca de 10 cm de diâmetro
- 1 ovo para pincelar

Modo de fazer

  1. Em uma panela, aqueça o azeite e refogue a cebola, a pimenta e o alho até murchar.

  2. Acrescente os tomates e deixe que cozinhem por cinco minutos.

  3. Coloque o palmito ou o cogumelo bem como as ervilhas e misture bem. Acrescente uma xícara de água e deixe cozinhar por cinco minutos.

  4. Dissolva o amido de milho na mesma quantidade de água e acrescente ao recheio. Mexa bem até engrossar.

  5. Coloque o cheiro verde e acerte o sal e a pimenta.

  6. Separe potes de cerca de 12 cm de diâmetro e encha com o recheio da torta.

  7. Cubra com o pedaço de massa folhada, fechando as laterais. Faça um furo ou corte na parte superior.

  8. Pincele com o ovo e asse em forno médio por cerca de 15 minutos ou até que a massa esteja dourada. Sirva quente.​

(A)ventura na cozinha

Juliana Ventura, 36, é jornalista formada pela PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), pós-graduada em gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi e professora de culinária para crianças.
email: aventuranacozinha@grupofolha.com.br
Instagram: @venturanacozinha

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem