Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Cinema e Séries
Descrição de chapéu Cinema Séries

Netflix cancela versão americana de 'Julie e os Fantasmas' após única temporada

Série foi adaptada da versão brasileira e estreou há um ano na plataforma

Julie e os três músicos fantasmas no palco em cena de "Julie and the Phantoms" - Netflix
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A versão americana de "Julie e os Fantasmas" foi cancelada pela Netflix nesta semana, um ano após a estreia da primeira e única temporada. O anúncio foi feito pelo diretor Kenny Ortega em seu Instagram no sábado (18).

"Ficamos sabendo nesta semana que a Netflix não vai nos dar uma nova temporada", disse, em postagem com fotos de bastidores do programa. "Embora nossos corações estejam tristes, seguiremos em frente com muito orgulho do que conquistamos como equipe e da família que construímos enquanto criamos Julie".

O programa é baseado numa série infantil brasileira de 2011, exibida pela Band e Nickelodeon, que também teve apenas uma temporada. O enredo acompanha a adolescente Julie (Mariana Lessa), que é ajudada por fantasmas de uma banda de rock dos anos 1980 a perder seu medo de palco para seguir carreira musical.

Na versão de Kenny Ortega, a história ganha contornos um pouco mais maduros. Nela, Julie (Madison Reyes) perdeu a paixão pela música depois da morte de sua mãe. A série também inova ao incluir um relacionamento homossexual com um dos três fantasmas revelando ser gay logo no segundo episódio.

Outros detalhes sobre os falecidos músicos, como a causa de suas mortes e o nível de sucesso que alcançaram em vida, também foram alterados.

"Nós esperamos que vocês continuem a nos acompanhar enquanto seguimos com nossos trabalhos e carreiras", continuou Kenny Ortega, ao anunciar o cancelamento. "Boas Festas a todos. Desejo a vocês boa saúde, amor e #perfeitaharmonia em tudo que vocês buscarem!"

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem