Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Cinema e Séries
Descrição de chapéu Cinema

Leonardo DiCaprio pulou em lago congelado para salvar os próprios cães

Incidente aconteceu durante filmagens do longa 'Não Olhe para Cima'

Leonardo DiCaprio salva cachorros durante filmagem de longa - Eric Gaillard/Reuters
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Leonardo DiCaprio, 47, pulou em um lago congelado para salvar os cachorros dele durante as filmagens de "Não Olhe para Cima". A história foi contada pelo elenco e pelo diretor do longa durante um painel organizado pela revista Entertainment Weekly.

DiCaprio tem dois huskies siberianos que o diretor Adam McKay, 53, comparou a "tornados", pelo poder de destruição deles. Um dos cachorros caiu em um lago congelado e o ator entrou para salvá-lo. Porém, assim que ele tirou o animal do local, o outro entrou na água.

"Um começou a lamber o que estava se afogando e então estávamos todos juntos no lago congelado", relembrou o astro de Hollywood.

Tenho certeza que todos estão se perguntando, eu também estava, ele imediatamente ficou nu no carro", brincou a atriz Jennifer Lawrence, 31, em alusão a uma das cenas marcantes de "O Regresso" —longa que rendeu o Oscar de Melhor Ator a DiCaprio — na qual ele ficou nu em uma carcaça de cavalo morto buscando se aquecer.

Em entrevista recente ao jornal The Guardian, McKay contou que, além de o incidente com os cães, uma cena do filme, que chega à Netflix em 24 de dezembro, chocou o premiado ator. DiCaprio não gostou de uma aparição da personagem de Meryl Streep, 72, nua, com uma tatuagem nas costas.

O cineasta foi questionado sobre o momento, e a reação da própria Streep. "Ela é destemida. Mas sim, é uma dublê de corpo [no lugar da atriz]", contou McKay. "Sabe quem teve um problema com [a cena]? Leo [DiCaprio]."

"Leo vê a Meryl como realeza do cinema, embora realeza talvez não seja um elogio... Mas como uma figura especial na história do cinema", continuou o diretor. "Ele não gostou de vê-la com a tatuagem na parte inferior das costas, andando nua por um segundo. Ele me disse algo como, 'você realmente precisa mostrar isso?'".

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem