Cinema e Séries
Descrição de chapéu Cinema

Filmagens de 'Batman' são suspensas após dublê de Robert Pattinson contrair Covid

Em 2020, longa já havia sofrido com surto de Covid-19

O ator Robert Pattinson viverá Batman no cinema - AFP
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

As filmagens do novo filme do Batman tiveram de ser suspensas depois de o dublê de Robert Pattinson, 34, contrair a Covid-19. Não há uma previsão exata para o retorno das gravações.

De acordo com o Daily Mail, o dublê e o próprio Pattinson deverão cumprir o isolamento mínimo de 14 dias, o que resultará na paralisação da produção do longa. Entre setembro e novembro de 2020, as filmagens já haviam sido paradas duas vezes depois que Pattinson e outro membro da equipe pegaram o coronavírus.

“Filmar um blockbuster dessa escala já é difícil o suficiente sem a ameaça da Covid se aproximando. Enquanto isso prova que o regime de testes da Warner Bros está funcionando, ter tantas pessoas fora do set por tantos dias é uma dor de cabeça que o estúdio poderia viver sem”, disse uma fonte ao jornal The Sun.

As filmagens devem ser encerradas até março, exatamente um ano antes de sua estreia. O longa tem direção de Matt Reeves e conta no elenco com nomes como Zoë Kravitz como a Mulher-Gato, Paul Dano como o Charada, Colin Farrell como o Pinguim, Jeffrey Wright como o comissário Gordon e Andy Serkis como o mordomo Alfred.

A informação de que Robert Pattinson seria o novo Batman aconteceu ainda em 2019. Ele ficou muito conhecido pelo vampiro Edward, da saga adolescente "Crepúsculo". Pattinson vai ocupar o lugar de Ben Affleck, 48, no papel principal da nova saga da DC. De acordo com o site Deadline, o ator disputou a vaga com o também britânico Nicholas Hoult, 31, de "X-Men" e "Mad Max: Estrada da Fúria".

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem