Cinema e Séries

Netflix abandona estreia de 'The Irishman', de Martin Scorsese, nos cinemas

Longa estreará no streaming 26 dias após lançamento nos cinemas independentes

Netflix abandona estreia de 'The Irishman', de Martin Scorsese, nos cinemas
Netflix abandona estreia de 'The Irishman', de Martin Scorsese, nos cinemas - Lucy Nicholson/Reuters
Helen Coster

A Netflix informou nesta terça-feira (27) que vai lançar o drama de máfia “The Irishman”, de Martin Scorsese, em alguns cinemas independentes em 1º de novembro e oferecer o longa em sua plataforma de streaming 26 dias depois, abandonando o plano de estreia geral nos cinemas do filme que está gerando comentários e palpites sobre os Oscars.

O anúncio acontece após um impasse nas negociações entre o Netflix e grandes redes de cinema como a AMC Entertainment e a Cineplex, de acordo com a publicação The Hollywood Reporter.

Grandes redes de cinemas insistem em um intervalo de 90 dias antes que um filme seja disponibilizado em outras plataformas e o Netflix quer disponibilizar a obra aos seus assinantes antes.

O debate sobre a redução da tradicional janela de 90 dias está crescendo enquanto serviços de streaming como os de Netflix, Amazon e Walt Disney transformam a maneira na qual as pessoas assistem a filmes.

A estreia limitada de “The Irishman” é semelhante à estreia de “Roma”, em 2018. O filme esteve em cartaz exclusivamente nos cinemas por 23 dias e conquistou três prêmios na premiação dos Oscars.

O serviço de streaming comprou “The Irishman” da Paramount Pictures, unidade da Viacom, estúdio original de Scorsese, em 2017. O filme, que é estrelado por Robert De Niro, Al Pacino e Joe Pesci, é considerado um dos pleiteantes aos Oscars, e custou aproximadamente US$ 200 milhões.

Reuters
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem