Cinema e Séries

Jim Parsons diz que era a hora de dizer adeus a 'Big Bang Theory': 'Será triste quando acabar'

'É complexo e simples, ao mesmo tempo, sentir que estava na hora'

Jim Parsons, ator que faz Sheldon em 'The Big Bang Theory'
Jim Parsons, ator que faz Sheldon em 'The Big Bang Theory' - Divulgação
Leonardo Volpato
São Paulo

Exibida no Brasil pelo canal pago Warner Channel, a série "The Big Bang Theory" está prestes a chegar ao fim. A trama foi cancelada e não terá continuação. Assim, o final da 12ª temporada, que será exibido no canal neste primeiro semestre, marcará o fim da série mais duradoura da TV.

Eterno Sheldon da série que mostra a vida de quatro amigos nerds, o ator Jim Parsons, 45, abriu o jogo para a revista americana EW. Segundo ele, já estava na hora de dizer adeus.

"É complexo e simples, ao mesmo tempo, sentir que estava na hora. Não há uma razão negativa para parar 'Big Bang'. Sinto que conseguimos fazer isso por muitos anos, que não parece que há mais nada na mesa. Não que a gente não pudesse continuar fazendo, mas parece que tiramos toda a carne do osso. Sinto que, em um nível pessoal, é o momento perfeito da minha vida”, disse Parsons.

De acordo com o ator, que já recebeu seis indicações ao Emmy Award e ganhou em quatro oportunidades por conta do trabalho na série, não há um planejamento a respeito do que ele fará a partir do fim da série. Ele interpretou o personagem por 12 anos.

“Não sei qual será meu próximo passo, não é como seu estivesse esperando algo específico. Estou firme na meia idade agora e não sei por quanto tempo posso continuar usando as camisetas sem parecer que estou ficando velho”, diverte-se.

Ele completa: “De certa forma, é empolgante. Qual é o próximo capítulo da minha vida? Qual é o próximo capítulo para todos nós? Será muito triste quando acabar, mesmo sabendo que estou bem com isso. Pessoas estão felizes quando se formam, mas mesmo assim elas choram. É difícil dizer adeus para pessoas com as quais você trabalhou por tanto tempo”, conclui.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias