Celebridades
Descrição de chapéu dia dos pais

Zilu Godoi lamenta morte do pai, vítima da Covid-19: 'Te amo além da eternidade'

Geraldo Godoi faleceu na madrugada de sábado (7), após complicações da doença

A empresária Zilu Godoi, ex-mulher de Zezé Di Camargo, e seu pai Geraldo Godoi

A empresária Zilu Godoi, ex-mulher de Zezé Di Camargo, e seu pai Geraldo Godoi Instagram/zilucamargooficial

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A empresária Zilu Godoi, ex-mulher de Zezé Di Camargo, comunicou o falecimento de seu pai, Geraldo Godoi, aos 89 anos, na madrugada de sábado (7) e aproveitou o Dia dos Pais neste domingo (8) para prestar sua homenagem. "Foi um marido exemplar e um pai impecável... um verdadeiro herói... e heróis nunca morrem... tanto que, partiu às vésperas do Dia dos Pais...", escreveu.

Segundo a filha, Geraldo Godoi sofreu uma queda, fraturou três costelas e teve um dos pulmões perfurado e, assim que foi hospitalizado, recebeu também o diagnóstico de Covid-19 e precisou ser intubado. Ele morreu na madrugada de sábado, às 3 horas da manhã, por complicações da doença.

Em nota, Zilu afirmou que não haverá velório e que o enterro será restrito aos familiares. A empresária também disse que está passando por um processo migratório nos Estados Unidos e está proibida de sair de Orlando até que os processos legais sejam finalizados.

Neste domingo, ela publicou um texto dedicado ao pai. "Não queria deixar uma mensagem solene... não queria demonstrar tristeza... pois meu pai sempre teve um sorriso no rosto, e uma alegria em seu olhar que nos contagiava e nos acolhia com muito amor!"

"Te amo na mesma intensidade... hoje, com muita dor... mas sempre com intensa gratidão por tudo e por tanto que o senhor nos doou!!! Receba minhas palavras com todo amor e na mais bela forma de oração e gratidão por ter sido sua filha!!! Te amo além da eternidade..."

Wanessa e e Camilla Camargo também escreveram mensagens dedicadas ao avô. "Ah, como vou sentir saudades. Agradeço à você, meu vozinho, por ter segurado minha mão tantas vezes ao atravessar a rua. Por ter cuidado de mim quando meus pais precisavam de uma folga! Você está dentro de mim, e assim, sempre estará aqui", disse Wanessa.

"Obrigada por tudo, ser sua neta é uma honra, que carregarei comigo pra sempre em sangue, alma e coração", escreveu Camilla.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem