Celebridades

Empresária faz queixa contra Xuxa e diz sofrer ameaças após acusação da apresentadora da web

Artista criticou contratante de show após ter que dormir em aeroporto

Xuxa passa a noite em aeroporto após problema com contratante e cancela show no Recife
Xuxa passa a noite em aeroporto após problema com contratante e cancela show no Recife - Reprodução/ Instagram/ xuxamenegheloficial

São Paulo

A empresária Paula Roberta Bessa, diretora da Planner Eventos, registrou um boletim de ocorrência contra Xuxa Meneghel, 55, nesta segunda-feira (26), por injúria e calúnia. Ela foi citada pela apresentadora nas redes sociais como a responsável pelo show que acabou com a artista tendo que dormir no aeroporto de Fortaleza. 

“Admiro o trabalho da Xuxa desde a minha primeira infância (...) Infelizmente, mesmo tendo feito um ótimo trabalho, envolvendo a sociedade cearense na divulgação da festa, fazendo do evento um sucesso, tenha acontecido este contratempo”, afirmou Bessa em nota.

O problema ocorreu, no último sábado (24), após uma apresentação de Xuxa na capital cearense. Na hora de retornar para o Rio de Janeiro, a equipe da apresentadora foi informada de que a aeronave disponibilizada pela empresa contratante havia sido lacrada pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) por irregularidades. 

A assessoria da apresentadora afirmou que a aeronave, a mesma usada na ida da equipe a Fortaleza, é particular e, por isso, não poderia prestar serviço de táxi aéreo, como estava fazendo. Além disso, os documentos apresentavam prefixo diferente do que estava no avião. 

“Amanheceu aqui em Fortaleza, eu ainda não dormi. Estamos no aeroporto porque nossa contratante deixou a gente na furada. Então, como ela é uma pessoa muito legal, queria dizer a vocês de Recife que, infelizmente, não faremos o show de Recife, da semana que vem”, afirmou ela em um vídeo postado em seu Instagram.

Segundo Xuxa, a mesma empresa contratou as duas apresentações e, tendo em vista os problemas ocorridos em Fortaleza, ela não fará o próximo: “Quero pedir desculpas a todos vocês do Recife ou perto do Recife que já tinham colocado na agenda de vocês que iam brincar comigo, não vai dar. Sinto muito.”

A Planner Eventos divulgou uma nota nesta segunda-feira em que diz ter oferecido um hotel para Xuxa e sua equipe, mas que a apresentadora recusou ficar nele. A empresa diz ainda que, no domingo de manhã, ofereceu uma nova aeronave a ela, também recusada. O retorno da artista para o Rio foi pago por ela mesma. 

A empresa afirmou ainda que a diretora Paula Roberta Bessa sofreu ameaças após o post de Xuxa. Ela não explicou, no entanto, a suposta irregularidade envolvendo a aeronave cedida à apresentadora.

Procurada, a advogada da Xuxa, Juliana Lacerda de Luca, afirmou em nota que a apresentadora resolveu esperar no aeroporto porque foi informada que o jatinho havia apresentado uma pane e, assim, ela esperava que o problema fosse solucionado rapidamente. Apenas posteriormente, sua equipe soube que ela estava irregular e havia sido lacrada pela Anac. 

"A divulgação do acontecimento nas redes sociais da apresentadora deu-se tão somente para divulgar o ocorrido, a fim de fazer um alerta e baseou-se em informações obtidas junto a própria Anac", completou a nota. 

Segundo a Anac, a aeronave já havia sido interditada em outubro passado, quando faria o transporte irregular da cantora Cláudia Leitte.  Após a conclusão da investigação, o operador e o piloto poderão ser multados ou ter a habilitação cassada, no caso do piloto. 

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem