Celebridades

Laranjinha de 'Cidade dos Homens', Darlan Cunha é preso no Rio

Polícia diz que havia mandado de prisão por lesão corporal e violência doméstica

O ator Darlan Cunha
O ator Darlan Cunha - Reprodução/Instagram/darlancunha
 

São Paulo

Intérprete do personagem Laranjinha da série "Cidade dos Homens" desde 2002, o ator Darlan Cunha, 29, foi preso na tarde desta sexta-feira (2) no Morro da Babilônia, na zona sul do Rio de Janeiro. 

A prisão aconteceu por volta das 14h quando a polícia fazia um patrulhamento na rua do Rosário. Cunha foi uma das pessoas abordadas. Depois de uma análise de pendências jurídicas, a política identificou que havia um mandado de prisão em aberto contra o ator por lesão corporal e violência doméstica. 

Darlan Cunha foi levado para 12ª DP em Copacabana, na zona sul da capital fluminense. O ator publicou em seu Instagram Stories (ferramenta de compartilhamento de vídeos e fotos que desaparecem depois de 24 horas) uma imagem com a frase: De rotina sendo encaminhado para a delegacia! Por atitude suspeita".

O "F5" não conseguiu localizar a assessoria do ator para comentar o caso. 

O ator Darlan Cunha publicou em uma rede social uma imagem sendo levado para polícia
O ator Darlan Cunha publicou em uma rede social uma imagem sendo levado para polícia - Reprodução/Instagram/darlancunha

LEI MARIA DA PENHA

Em 2013, Darlan Cunha foi acusado pela namorada de agressão e cárcere privado. Na época, a polícia instaurou um inquérito para apurar os crimes de lesão corporal dolosa (com intenção), com base na Lei Maria da Penha, e cárcere privado.

De acordo com o UOL, empresa do Grupo Folha, que edita a Folha, a namorada retirou a acusão de agressão. Na época, o advogado Marivaldo Sena contou que a jovem de 16 anos deu uma nova versão sobre o caso.

Como a denúncia havia sido feita com base na lei Maria da Penha, a queixa não pode ser retirada nem pela própria vítima --o que torna necessária a nova declaração.

"CIDADE DOS HOMENS"

Em janeiro passado, Darlan Cunha participou da sexta temporada de "Cidade dos Homens", atração criada pela Globo em parceria com a O2 Filmes. Escritos por Marton Olympio, com supervisão de roteiro de George Moura e direção de Pedro Morelli, os quatros episódios abordaram tramas paralelas, com histórias mais emotivas e com mais ação.

"A gente retrata o que temos passado na atualidade. Os roteiros vêm bem definidos e com assuntos que a gente tem vivido ou acompanhado pela televisão", afirmou Darlan Cunha, na época da estreia do seriado.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem