Celebridades

Padre Fábio de Melo diz que teve síndrome do pânico: 'Nunca chorei tanto na minha vida'

O padre Fábio de Melo disse que há 20 dias teve sintomas de síndrome do pânico, doença diagnosticada dois anos atrás. Segundo o religioso, indícios do transtorno voltaram por causa de um "problema grave familiar".

"Desde então, parei de dormir direito e passei a enfrentar uma angústia muito grande", disse o sacerdote em publicação feita na rede social Instagram nesta sexta (11). 

"Fiquei praticamente uma semana trancado em casa, com sensação de morte, tristeza profunda e medo de tudo. Nunca chorei tanto na minha vida", acrescentou. 

No texto, o padre ainda acrescentou que já está medicado e em tratamento com um médico psiquiátrico.

"Os medicamentos fizeram uma enorme diferença. Tenho conseguido cumprir meus compromissos e procurado fazer uma rotina mais leve que me permita estar entre amigos que amo. Estou me sentindo bem melhor, ainda que não me sinta inteiro."

Amigo de famosos como Evaristo Costa, Lucas Lucco e Alcione, o religioso é popular nas redes sociais –só no Instagram, Melo tem 5,6 milhões seguidores. 

Ainda de acordo com a publicação feita na rede social, com o intuito de ajudar outras pessoas que também enfrentam a doença, ele falará em breve sobre o assunto.

"Sei que minha partilha poderá ajudar os que enfrentam o mesmo problema que eu. Por ora é viver, buscar o equilíbrio que Deus me concede através das escolhas que posso fazer. A foto escolhida para este post não é por acaso. Ela é expressão da leveza que quero sempre levar comigo."



Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem