Celebridades

'Estou colocando um projeto no mundo junto com um filho', diz Junior Lima sobre ser pai em nova fase da carreira

Dez anos se passaram desde o fim da dupla Sandy e Junior e, de lá para cá, os irmãos cantores trabalharam em vários projetos. A mais nova aposta de Junior Lima, inclusive, foge bastante das origens de sua vida artística e explora o cenário da música eletrônica.

Mas as novidades não se restringem à carreira. Casado com a modelo Mônica Benini desde 2014, ele anunciou em março que será pai pela primeira vez.

"É uma fase de transformação pessoal muito grande, com muitas descobertas. Para mim está sendo muito legal, porque estou colocando um projeto novo no mundo junto com um filho. É fase de colher alguns frutos, um bom momento", contou Junior ao "F5".

O cantor se refere à dupla de música eletrônica Manimal, formada com o DJ Júlio Torres em 2016. "Eu sou bastante curioso", disse o cantor, que entrou no cenário eletrônico com a banda Dexterz, em 2009. "Eu estou em uma fase da vida profissional em que eu posso me permitir experimentar e não limitar. Hoje em dia, mais do que realizar grandes feitos, eu quero fazer o som que eu tenho vontade."

Essa liberdade Junior credita à parceria com Sandy, que fez dele "um cara explorador". "Me ensinou muito, me trouxe grandes possibilidades, me colocou em uma condição de viver da música e fazer o som que eu quero, o que não é algo fácil de acontecer", reconhece.

Aos 33 anos, ele passou a maior parte de sua vida sob os holofotes: são 26 anos de carreira, que vão de "Maria Chiquinha" até "Think About It", primeiro single do Manimal. Lançada em dezembro de 2016, a faixa ainda é a única divulgada pela dupla eletrônica, que está experimentando e preparando seu portfólio. "Eu me sinto livre da necessidade de atender ao mercado, e isso graças à carreira que eu tive [ao lado da Sandy]."

Voltando aos palcos lentamente e com show marcado no Rock in Rio em setembro, Junior não acha que o investimento no Manimal vá atrapalhar a fase de papai. "O legal da minha profissão é que quando chegar o momento, posso ter mais sossego, ao contrário dos pais que trabalham em escritório, em horário comercial", disse.

"Eu estou dia após dia com ansiedade, mas ao mesmo tempo é muita coisa para preparar até a chegada do bebê. Cada fase tem seu valor."

Balancear a carreira com a vida pessoal é difícil, mas Junior não se sente intimidado. "Eu e a Sandy realizamos coisas das quais até hoje não tenho muita noção. Me trouxe coisas muito incríveis e também as minhas dores, porque eu estou ligado do outro lado disso. Mas valeu a pena."


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem