Você viu?

Há dez anos, Sandy e Junior anunciavam sua separação; relembre os sucessos da dupla

Sandy e Junior viveram quase toda a vida sob os holofotes. Os filhos de Noely e de Xororó, da dupla com Chitãozinho, começaram a carreira musical cedo, em 1990, e desde então emplacaram diversos sucessos nas paradas brasileiras.

Por quase duas décadas os irmãos se apresentaram lado a lado até que anunciaram o fim da parceria, no dia 17 de abril de 2007. Sandy e Junior continuaram no ramo artístico, mas com projetos individuais.

Crianca Esperanca 2003, Sandy e Junior no Ginasio do Ibirapuera, Sao Paulo. 10.08.2003 Foto: Jose Patricio/Folha Imagem.
Sandy e Junior se apresentam Ginásio do Ibirapuera, em 2003 - Jose Patricio/Folha Imagem

Além de gravarem sucessos que marcaram toda uma geração, como "Vâmo Pulá!" e "Dig-Dig-Joy", a dupla ainda abrasileirou canções estrangeiras, como a música tema de "Titanic" (1997) e uma das faixas da trilha sonora de "Grease" (1978).

Relembre esses e outros hits que marcaram a carreira de Sandy e Junior.

'Maria Chiquinha'

A música que deu o pontapé inicial na carreira dos irmãos encantou o público pela letra divertida combinada à inocência dos pequenos Sandy e Junior. Com menos de dez anos de idade, os dois cantaram o sucesso no programa "Som Brasil" (Globo) em 1989 e, no ano seguinte, oficializaram a parceria musical.

'A Resposta de Mariquinha'

Em 1992, Sandy e Junior lançaram seu segundo álbum e, junto dele, eternizaram o bordão "abre a porta, Mariquinha".

'Vai Ter Que Rebolar'

Os irmãos resolveram mostrar que tinham gingado em 1995, quando lançaram "Vai Ter Que Rebolar". A canção não podia deixar de ter uma coreografia e conquistou o público com seu refrão chiclete.

'Dig-Dig-Joy'

Com sua letra indecifrável, mas extremamente animada, "Dig-Dig-Joy" foi outro sucesso dançante de Sandy e Junior. O clipe do hit ainda era colorido e contava com modelitos que não sobreviveram ao fim da década de 90.

'Eu Acho Que Pirei'

O ano de 1997 marcou a estreia de Sandy e Junior no cinema, com o filme "O Noviço Rebelde", estrelado por Didi, Patrícia Pillar e Tony Ramos. A trilha sonora, claro, contava com sucessos da dupla, como "Eu Acho Que Pirei".

'Inesquecível'

No mesmo ano, os irmãos investiram em uma música mais lenta: "Inesquecível". A canção, na verdade, é uma versão brasileira de "Incancellabile", da italiana Laura Pausini.

'As Quatro Estações'

De 1991 até 1997, Sandy e Junior não passaram um único ano sem lançar um CD novo. Em 1998, os irmãos investiram em um álbum ao vivo, até que lançaram "As Quatro Estações" no ano seguinte. A faixa título foi composta por Sandy durante a adolescência e é até hoje uma das canções mais lembradas da dupla.

'Vâmo Pulá!'

Para balancear o instrumental lento e meloso de "Quatro Estações", Sandy e Junior lançaram no mesmo álbum a canção "Vâmo Pulá!", que tem uma letra simples, mas que grudou na cabeça de muitos jovens da década de 90. Isso porque fazia parte do seriado "Sandy e Junior" (Globo), estrelado pelos irmãos.

'Imortal'

Outro sucesso do álbum "As Quatro Estações" foi "Imortal", versão em português de "Immortality", famosa parceria entre Celine Dion e os irmãos da banda Bee Gees.

'A Lenda'

Composta pelos integrantes da banda Roupa Nova, "A Lenda" precipitou o álbum "Sandy & Junior", de 2001, quando os irmãos abraçaram de vez a música pop. A canção foi gravada também em espanhol e inglês, e seu clipe foi vencedor do Meus Prêmios Nick  e do Prêmio Multishow.

'Desperdiçou'

O álbum "Identidade" já apostava na separação da imagem de Sandy e Junior. Com duas capas, cada uma com o rosto de um dos irmãos, o CD tinha como principal aposta "Desperdiçou".

"Replay"

Foi com um estilo musical diferente que Sandy e Junior disseram adeus à parceria. Indicado a um Grammy Latino, o álbum "Sandy & Junior" —mais um que carregou o nome da dupla— foi encabeçado por "Replay". No clipe da canção, dois bonecos palito curtem a fama e a carreira musical até se transformarem nos próprios Sandy e Junior.


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem