Bichos

Após seis meses de tentativas, voluntários conseguem resgatar foca com anel de plástico no pescoço



 

Selo BBC Brasil

Uma foca foi resgatada na quinta-feira na praia de Horsey, na costa leste da Inglaterra, com ferimentos "terríveis" causados por um objeto de plástico semelhante a um disco de frisbee.

O animal fora visto pela primeira vez com o anel em volta do pescoço quase seis meses antes. Como evitava ser capturado, contudo, ninguém conseguia se aproximar dele para resgatá-lo.

Com o passar do tempo, à medida em que a foca crescia, o brinquedo passou a sufocá-la cada vez mais.

Voluntários do Friends of Horsey Seals (Amigos das Focas de Horsey, em tradução livre) conseguiram alcançar "Senhora Frisbee", como foi apelidada, nesta quinta-feira e deixaram-na aos cuidados da Sociedade Real para a Prevenção da Crueldade Contra os Animais (RSPCA, na sigla em inglês), que afirmou que sua recuperação pode levar meses.

"Enquanto estava saudável, ela estava sempre rodeada por outras focas. Uma delas sempre acabava se assustando e todas fugiam ao mesmo tempo, o que tornava difícil capturá-la", conta Peter Ansell, presidente da Amigos das Focas de Horsey.

Recentemente, entretanto, os voluntários notaram que o animal estava mais abatido e que parecia "aflito". As demais focas também haviam-no deixado sozinho.

Após a captura, a foca foi levada para o hospital da RSPCA em East Winch, que, assim como Horsey, fica no condado de Norfolk.

"Ela está bem melhor. Está viva e comendo peixes", disse o diretor do hospital Alison Charles.

"Nós conseguimos retirar o objeto, mas o pescoço dela está terrível. Nunca vi nada parecido".

A organização Amigos das Focas de Horsey afirmou ter recebido relatos de uma outra foca com um pneu de borracha em volta do corpo e de uma terceira vista com uma corda em volta do pescoço e da nadadeira.

Eles alertam sobre os riscos do depósito de lixo nas praias e no mar.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem