Você viu?

Em mudança histórica, Barbie altera corpo e terá três novas versões; confira

A boneca mais famosa do mundo irá mudar de corpo. A Mattel anunciou, nesta quinta-feira (28), que a Barbie agora virá em três novas versões: "petite", "com curvas" e "alta".

O projeto demorou dois anos para ficar pronto e vem na esteira de uma série de ajustes da boneca aos tempos modernos. Em 2015, a Barbie se reinventou com um comercial considerado feminista e com a linha Fashionista, que trouxe mulheres com diversas cores de cabelo e de pele.

Agora, as mudanças chegaram ao auge no projeto "Dawn" ("Amanhecer"), em uma estratégia para recuperar o crescimento da marca. De 2012 a 2014, as vendas da Barbie diminuíram 20%, e continuaram em queda em 2015. A queda da popularidade da boneca colaborou para que, em 2014, a Lego ultrapassasse a Mattel, tornando-se a maior empresa de brinquedos do mundo.


"Nós mudamos o propósito da marca, [defendendo] que quando uma garota brinca com uma Barbie, ela pode imaginar tudo que quer ser", explica Michelle Chidoni, diretora de comunicação da empresa.

Esse conceito está presente no comercial que viralizou em outubro de 2015, que mostra garotas sonhando com diversas profissões. Elas querem ser executivas bem-sucedidas, professoras e veterinárias (uma, inclusive, quer ser técnica de futebol americano, profissão tradicionalmente masculina).

"Conduzimos pesquisas bastante caras para testar as novas bonecas", acrescenta Chidoni. "Tivemos a colaboração de várias garotas, pais, mães e especialistas para obter feedback sobre a nova linha."

Em 2006, um estudo publicado pela revista "Developmental Psychology" concluiu que meninas de 5 a 8 anos que brincaram com Barbies tinham auto-estima menor e mais desejo de ser magra do que as que não foram expostas à boneca.

Desde sua criação, em 1959, a Barbie é criticada por grupos feministas por perpetuar padrões de beleza. É a primeira vez que a boneca muda de formato. Antes, ela já passou por mudanças sutis no rosto, mãos e outras partes do corpo, mas sempre se manteve esguia.

"Queríamos garantir que quem gosta de Barbie nos amasse ainda mais, e talvez fazer as pessoas que nos veem negativamente virarem neutras", anunciou Richard Dickson, presidente da Mattel.

A nova linha, chamada Fashionista 2016, chega em março nas lojas brasileiras. São quatro corpos, incluindo o modelo "clássico", variando entre sete tons de pele, 22 cores de olho e 24 penteados.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias