Viva Bem

Confira dicas para ficar bem em casa em tempos de isolamento social e quarentena

'Agradecer seu lar por acolher você e conceder segurança', é uma delas

Meditação para ansiedade na quarentena
Meditação para ansiedade na quarentena - Personare
Descrição de chapéu Personare
Cris Ventura

É hora de ficar em casa. E para ficar bem nesse momento que requer isolamento social comece por aceitar a casa como ela é. Amar a casa como ela é. Agradecer a casa, considerá-la um espaço sagrado, um refúgio, um lugar que acolhe, abraça e concede estabilidade e segurança.

Passar mais tempo dentro de casa e com a casa pode ser um desafio, pois também é um relacionamento. E, assim, viver com a casa pode ser como viver com um familiar muito próximo todos os dias, todas as horas, todos os momentos.

Pode ser que os defeitos se realcem, pois haverá mais tempo para olhar e enxergar: uma pintura descascando, um quadro torto, um móvel lascado, uma torneira pingando, uma rachadura na parede, um piso manchado.

Mas, agora, nesse momento de ficar em casa, o mais importante é aceitar os defeitos e marcar um encontro com as qualidades do seu lar. Então, para cada defeito que encontrar, sugiro que você anote uma qualidade. Você pode fazer este exercício escrevendo em um caderno ou bloco de notas.

FIQUE BEM, FIQUE EM CASA

Para conviver e se relacionar é preciso coragem, tolerância, aceitação, diálogo. E, como dialogar com a sua casa? É como se você realmente estivesse conversando com uma pessoa.

Aqui vão algumas dicas para te ajudar nesse caminho de aceitação da casa:

  1. 1.

    Alternar momentos de silêncio que ajudam a ouvir a casa com momentos de músicas para alegrar o ambiente.

  2. 2.

    Mudar alguns objetos de lugar. Podem ser quadros, itens de decoração, almofadas.

  3. 3.

    Cuidar das plantas. Além de regar, coloque terra e adubo, limpe as folhas com um algodão ou pano úmido com água, principalmente aquelas que costumam acumular poeira.

  4. 4.

    Montar um canto zen: vale um tapete, uma canga e algumas almofadas para meditar, ler, brincar com os filhos e/ou pets.

  5. 5.

    Andar pelos cômodos e agradecer a cada um deles pela função e acolhimento que oferecem.

Você pode fazer perguntas ou pode mentalizar: casa querida, no que eu posso te ajudar? E pode pedir: casa eu preciso de sua ajuda, preciso de sua proteção e agradeço por você me acolher.

O EXTERIOR REFLETE O INTERIOR

Podemos associar a simbologia da frase “o exterior reflete o interior” com o mundo que é o exterior e a nossa casa que é o interior.

Se agora temos esse tempo e essa oportunidade para organizar a nossa casa (nosso interior) estaremos colaborando para organizar o exterior (o mundo lá fora). Então, vamos direcionar o tempo e a energia para essa oportunidade: organizar a casa.

personare
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem