BBB21

Fiuk afirma que sofreu bullying na escola: 'Acabavam comigo'

Ator diz que desenvolveu déficit de atenção e problemas respiratórios

Fiuk - Instagram/fiuk
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Na casa "extra" do BBB21, Fiuk conversou com Projota e Arthur sobre sua época de escola e revelou sofrer bullying e que tinha problemas respiratórios. Os brothers que estão na casa estão imunes por terem sido mais votadas pelo público, são eles: Lumena, Juliette e Arthur, do grupo Pipoca, e Fiuk, Projota e Viih, do grupo Camarote.

"Teve uma época que eu levava tubo de oxigênio para a escola. Os moleques me davam tapa na cabeça e era falta de ar na hora. Fui internado três vezes. Minha mãe foi muito parceira, se não fosse por ela... Eu chorava sozinho", conta o artista.

O cantor também relembrou como foi o diagnóstico de DDA (transtorno de deficit de atenção): "Não era uma coisa positiva na escola, os moleques acabavam comigo. Eu não conseguia ser amigo de ninguém. As meninas sempre ficavam com dó, mas até a minha pré-adolescência foi brabo. Quando eu li, conheci o que era DDA".

Os brothers imunes precisam ainda decidir em consenso um nome para indicar ao paredão dessa semana. Apesar da responsabilidade, quando Tiago os informou do bônus que receberam, eles comemoraram a imunidade concedida pelo público.

Além dos participantes mais votados pelo público, Nego Di e Lucas Penteado, dupla composta por dois participantes do grupo Camarote, também receberam imunidade por vencerem a primeira prova de resistência da edição, após cerca de 9 horas, nesta terça-feira (26).

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem