BBB18

Arrependida de comentários que fez no BBB 18, Patrícia diz que filho de 11 anos é alvo de ataques nas redes sociais

O adolescente teria recebido comentários dizendo que é filho de satanás

Patrícia na final BBB 18
Patrícia na final BBB 18 - Reprodução

CRIS VERONEZ
Rio de Janeiro

A ex-BBB Patrícia está arrependida de comportamentos que adotou durante o confinamento no Big Brother Brasil. Durante conversa com jornalistas na noite desta quinta (19), antes da final do reality, ela disse que fez leituras erradas de alguns participantes e comentários que desagradaram o público.

A cearense afirma que é difícil saber a forma correta de agir em uma situação nunca vivida ou imaginada antes. Durante o confinamento, ela fez parte do grupo autointitulado Sétima Aliança, composto também por Ana Paula, Diego, Caruso, Nayara, Viegas e Wagner.

"Nós imaginávamos que corríamos o risco de sermos considerados vilões, mas não sabíamos a intensidade da coisa. Meu filho David, de 11 anos, é atacado na internet agora", afirmou.

A funcionária pública diz que o adolescente recebeu comentários no Instagram dizendo que é filho de satanás, que a mãe dele é um demônio e que vão matá-la. "Isso me machucou muito", disse.

Patrícia também foi alvo de chacota nas redes sociais. Ela chegou a ser comparada com a personagem infantil Peppa Pig, mas garante que não se importou: "A Peppa é uma gata. Quem conhece a personagem sabe que ela é incrível."

TRIÂNGULO AMOROSO

Dentro da casa do BBB 18, Patrícia viveu um affair com o colega de confinamento Kaysar. No entanto, depois que ela foi eliminada, o sírio se aproximou de Jéssica. Os dois não chegaram a se beijar, mas protagonizaram cenas quentes e carinhosas no reality.

Frente a frente em um bate papo com a imprensa e aparentemente sem climão, na noite desta quinta (19), as duas sisters cogitaram a hipótese de se envolverem com Kaysar fora da casa.

"Ele tem coração puro e eu também, então nossa sintonia fechou. Antes da Pati sair eu falava que queria eles super bem. A questão do envolvimento ali comigo foi uma coisa de momento. Mas a gente não comanda o coração. Que bom seria se pudéssemos. Mas não tenho bola de cristal, então não posso dizer o que vai acontecer", disse Jéssica.

"Aqui fora os sentimentos vão amadurecendo. Assim como ela (Jéssica), não descarto. Como minha mãe diz, tudo pode acontecer, inclusive nada", afirmou Patrícia.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem