Televisão

'Gênesis': De Adão e Eva a José do Egito, entenda as sete fases da novela

Trama da Record contará todas as etapas da origem da humanidade

Zécarlos Machado e Adriana Garambone viverão Abraão e Sarai em "Gênesis" - Edu Moraes/ Record TV
São Paulo

A novela “Gênesis” estreia na Record na próxima terça-feira (19) e conta com sete fases para nortear todos os acontecimentos da origem da humanidade. Escrita por Camilo Pellegrini, Raphaela Castro e Stephanie Ribeiro, a história conta com mais de 250 atores envolvidos.

Com direção-geral de Edgard Miranda, as filmagens de “Gênesis” aconteceram em vários locais do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná e Marrocos. Confira mais detalhes de cada fase.

PRIMEIRA FASE (CRIAÇÃO)

A primeira fase da história é a fase que corresponde à criação e os personagens em destaque são Adão (Carlo Porto) e Eva (Juliana Boller), os primeiros criados por Deus. Para dar vida ao papel, Porto afirma que "o maior desafio foi abdicar da ideia que tinha de Adão e passar a vê-lo como um homem comum".

Para ele, Adão é alguém como qualquer outro no sentido de que está sujeito às mesmas dificuldades. A fase acompanha o casal e seus dez filhos, entre eles Caim (Eduardo Speroni), Abel (Caio Manhete) e Tila (Anna Rita Cerqueira). Esta última terá embates por ser rejeitada pelo pai.

SEGUNDA FASE (DILÚVIO)

Retratará da juventude a fase madura de Noé. Bruno Guedes interpretará o personagem na fase jovem, e Oscar Magrini já mais velho. A construção da Arca é o fato principal desta etapa. Esses momentos serão mostrados com a ajuda de efeitos visuais na pós-produção.

De acordo com o supervisor de efeitos visuais da trama, Anderson Paraná, as cenas utilizaram o chroma key (fundo verde), água para retratar a tempestade e animais em 3D. "Cidades construídas do zero, animais construídos do zero, tudo com muita computação gráfica", diz.

TERCEIRA FASE (TORRE DE BABEL)

Ressaltará a construção da Torre de Babel, que será guiada por Ninrode (Pablo Morais) e Semíramis (Francisca Queiroz). A cenografia foi feita com computação gráfica para dar impacto e o uso de dublês foi necessário.

Semíramis terá uma relação possessiva e controladora com o filho Ninrode e usará o rapaz para alcançar os objetivos, inclusive para construir a Torre de Babel, monumento criado com a intenção de chegar até Deus.

"Ela não tem limite algum. É uma mulher capaz de usar o próprio filho para ter destaque e soberania naquela sociedade. Ela é cruel mesmo, capaz de matar e torturar por motivos banais", diz Queiroz . "Já meu personagem quer deixar um legado, um recado de força, esperança e ser inspiração. Mostrar para as pessoas que elas podem fazer o que elas querem, apesar de qualquer coisa", afima Morais.

QUARTA FASE (UR DOS CALDEUS)

Terá (Ângelo Paes Leme/Júlio Braga) embarca em uma jornada com sua amada esposa Amat (Branca Messina/Regina Sampaio) para Ur dos Caldeus, onde ele há de provar para todos que um dia duvidaram dele o que é vencer na vida. É nessa cidade de prosperidade e oportunidades que ele visiona dar para seu filho, prestes a nascer, tudo o que seu próprio pai não lhe deu.

Nesta fase, o ator Felipe Roque interpreta o rei Ibbi-Sim, da cidade de Ur dos Caldeus. Já a sua esposa, a rainha Enlila, será vivida pela atriz Maria Joana. Ibbi-Sim é um inexperiente e inseguro rei da cidade de Ur. Justamente por conta disso que ele cairá nas armadilhas de Nadi (Camila Rodrigues) e da própria rainha Enlila. Esta última usa da sensualidade e de sua segurança a todo instante. Manipuladora, tentará enfraquecer e dominar Ibbi-Sim.

QUINTA FASE (ABRAÃO)

A fase é estrelada por Abraão (Zé Carlos Machado), um homem sério e trabalhador. Ele trata a todos com cordialidade e respeito. Seguindo o chamado de Deus, ele abandonará a casa do pai e levará muitos seguidores com ele. Ao peregrinar pela Mesopotâmia, Canaã e Egito, seu acampamento prospera e se torna conhecido por onde passa graças a seus feitos e sua ligação com Deus

Sua esposa, Sarai (Adriana Garambone), a princípio, não poderá dar filhos a ele, mas isso não o fará pensar em outra mulher. Ela gosta de extravasar suas emoções por meio da música e acaba convencendo Abrão a se deitar com uma serva, mas vai se arrepende amargamente.

SEXTA FASE (JACÓ)

Jacó (Miguel Coelho/ Petrônio Gontijo) é neto de Abraão (Zé Carlos Machado), marido de Lia e de Raquel e pai de 12 filhos. É um homem pacato, sossegado, simples, de temperamento pacífico e muito trabalhador. Mais tarde, deixa Canaã e parte para a região onde habita seu tio de modo a encontrar uma esposa.

Chegando a Harã, ele se apaixona perdidamente por Raquel, mas é enganado e casa-se com Lia. Revoltado, ele despreza Lia, mas cumpre suas obrigações como marido, casando-se com a amada Raquel em seguida. Jacó terá uma longa trajetória até compreender o quanto é cuidado e abençoado por Deus.

SÉTIMA FASE (JOSÉ)

A última parte da novela mostrará José (Juliano Laham), fruto da relação entre Raquel e Jacó. Ele é vendido como escravo pelos irmãos enciumados e levado ao Egito, onde é humilhado e preso. Mas como tudo o que ele toca prospera, começa a ser visto com outros olhos. Ele também tem como dom prever o futuro e usa desse artifício para prever a fome no local.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem