Televisão

Canta Comigo volta quase um ano após morte de Gugu em versão teen e com prêmio menor

Rodrigo Faro comanda reality que terá 88 crianças e adolescentes

Rodrigo Faro apresenta os jurados do quadro "Canta Comigo Teen", dentro de seu programa na Record
Rodrigo Faro apresenta o quadro Canta Comigo Teen, dentro de seu programa na Record - Edu Moraes/RecordTV
São Paulo

Quase um ano após a morte de Gugu Liberato, o reality musical Canta Comigo, último programa apresentado por ele e considerado o seu xodó, volta ao ar na Record no início da noite deste domingo (4), agora sob o comando de Rodrigo Faro como um quadro dentro do A Hora do Faro. A atração retorna em uma versão teen, com 88 candidatos, de 9 a 16 anos, disputando o prêmio de R$ 200 mil –o valor diminuiu R$ 100 mil na comparação com 2019, quando o vencedor Franson levou R$ 300 mil.

Formato original da Endemol Shine Group, responsável também por outros sucessos como o Big Brother, o Canta Comigo é exibido em diversos outros países, mas será a primeira vez que terá crianças e adolescentes como concorrentes. Segundo Juliana Algañaraz, diretora da Endemol no Brasil, essa ideia, assim como a mudança de exibição do reality de quarta para domingo, já tinha sido sugerida por Gugu, em uma última conversa que ela teve com ele.

"Quando gravamos o último episódio da segunda temporada, ele me olhou e falou: 'A gente tem que convencer a Record de ir para o domingo e com criança'. O Gugu tinha esse talento, tinha muitos anos de TV nas costas, conhecia a batalha do minuto a minuto [pela audiência], ele tinha essa intuição. Então, fazer nesse momento com o Rodrigo [Faro], herdeiro natural dele... Acho que ele estaria muito orgulhoso", afirmou ela, em conversa com jornalistas sobre a atração.

Ela destacou ainda a importância do apresentador para o reconhecimento do Canta Comigo no Emmy Internacional –o programa foi indicado na categoria de melhor entretenimento sem roteiro. "É um orgulho que tenha sido o Gugu que nos deu esse caminho para aprender, criar e chegar no Emmy para continuar quase como uma homenagem para ele."

A versão teen vai ao ar às 18h, aos domingos, e terá em torno de 1 hora e 40 minutos de duração. Vai bater de frente com o Faustão, na Globo, que também exibe atualmente um reality: o Dança dos Famosos.

Para Faro, o programa sempre terá a cara do Gugu, mas ele também procurou deixar a sua marca no projeto. "Para mim é uma honra pisar naquele palco que o Gugu consagrou. Com muita humildade, eu cheguei, pedindo licença aos jurados, e tentando trazer o meu DNA ao projeto [...] O Gugu sempre foi um dos meus maiores mestres, me ensinou muita coisa, me deu muita oportunidade. Toda vez que eu pisar num palco, ele estará sendo homenageando porque ele me fez como apresentador", disse.

Uma outra novidade é a entrada de Ticiane Pinheiro, que vai atuar como repórter conversando com as crianças e seus familiares nos bastidores do programa –proposta semelhante à adotada no The Voice e The Voice Kids, da Globo.

Os 12 episódios do Canta Comigo Teen já estão gravados. Apenas a parte final do último programa será ao vivo, que é quando o público vota para definir o grande vencedor entre os três finalistas. A ideia central do reality segue a mesma: ver se o candidato, ao se apresentar, é capaz de levantar cem jurados de uma só vez para cantar junto.

Cada episódio terá a apresentação de 12 crianças –seguem na disputa, as que tiverem as notas mais altas em cada eliminatória (cada jurado de pé equivale a um ponto). Além disso, quem consegue a aprovação dos cem jurados vai direto para final. Diferentemente da temporada passada, na semifinal, no entanto, isso não acontece. "Entra como um número normal", diz o diretor Rodrigo Carelli. Ele adiantou também que a versão teen terá repescagem.

MEDIDAS DE PREVENÇÃO E JURADOS

A Record e a Endemol disseram que adotaram protocolos rígidos de segurança para as gravações do programa, que envolve um número alto de profissionais, já que são cem jurados, os 88 candidatos e seus familiares, além dos apresentadores, da direção e toda a equipe técnica. Nesta semana, foi divulgado que o cantor Gabriel Torres, um dos jurados da atração, recebeu diagnóstico positivo para o coronavírus.

Segundo Juliana Algañaraz, da Endemol, assim que souberam do resultado, Torres foi afastado do programa. "Testamos todos uma vez por semana. Esse jurado deu negativo. Três dias depois, no descanso dele, ele foi fazer o teste [por conta própria], e nos comunicou no mesmo dia o resultado, já ficou afastado e não voltou mais. Depois, testamos todos os envolvidos novamente e ninguém mais teve resultado positivo, então, continuamos as gravações." Torres é noivo de Mara Maravilha, que também contraiu a Covid-19, assim como o filho do casal, Benjamim, 2.

Algañaraz afirmou também que há um acordo entre a produção do programa e o hospital Albert Einstein para a realização dos exames, com divulgação rápida dos resultados. Outras medidas adotadas foram: placas de acrílico para separar os jurados uns dos outros; máscaras trocadas a cada duas horas; distanciamento entre os candidatos e os apresentadores, entre outros. Por causa da pandemia, nesta edição, o Canta Comigo Teen não conta com plateia.

"Toda vez que eu chegava, era medida a minha temperatura. No meu camarim, só ficava uma profissional, e era um camarim bem grande. Eu mesmo fiz a minha maquiagem, me arrumava para poder gravar para ter o menor número de pessoas dentro de ambientes fechados", completou Rodrigo Faro.

Entre os jurados, estão nomes que participaram de outras edições como o casal Andrea Sorvetão e Conrado, a drag queen Penelopy Jean e o cantor Thaíde, e também novos artistas como as cantoras Roberta Campos, Tânia Mara, o ex-Trem da Alegria Juninho Bill, e os jovens atores Cinthia Cruz, Giovanna Chaves e Nicholas Torres.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem