Televisão

Roberto Cabrini diz que saída do SBT foi consensual e que está feliz com o que vem por aí

Jornalista comanda o Conexão Repórter há 11 anos na emissora

Roberto Cabrini em sua casa em Alphaville, SP
Roberto Cabrini em sua casa em Alphaville, SP - Fernando Moraes
São Paulo

Roberto Cabrini, 59, se pronunciou sobre a saída do SBT após 11 anos. Ele confirmou a saída da emissora de Silvio Santos, mas disse que está tranquilo com a situação. "Foi consensual", afirmou ao F5. "[Estou] muito feliz o que que vem por aí."

O jornalista, que comanda o Conexão Repórter, deve seguir na emissora até o final de outubro, quando se encerra seu contrato. Procurado, o SBT afirmou que não comentará o caso.

A emissora, que atualmente já ocupa vários horários com reprises, ainda não definiu o que entrará nas noites de segunda-feira.

No mesmo período do afastamento de Cabrini, outra estrela do jornalismo da emissora, Rachel Sheherazade, também deve deixar o canal.

Ao F5, o SBT confirmou que o contrato de Sheherazade vai até o dia 31 de outubro, mas poupou comentários extras. “Por questões contratuais até lá o SBT não irá se pronunciar”.

Além deles, vale lembrar que Carlos Nascimento está afastado de suas funções por pertencer ao grupo de risco da Covid-19.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem