Televisão

SBT deixa de passar programa Casos de Família e deixa intrigados os fãs da atração

Programação deve voltar ao normal na segunda-feira, diz emissora

Christina Rocha, no programa Casos de Família - Vinicius Pereira - 15.nov.13/ Folhapress
São Paulo

O programa Casos de Família não foi ao ar na tarde desta sexta-feira (8), intrigando os fãs da atração, que ocupa as tardes do SBT desde 2004. A emissora não explicou o porquê da alteração, mas garantiu que o programa retornará na segunda-feira (11).

A ausência de Casos de Família coincidiu com a mudança feita pelo canal no programa Fofocalizando, que passou a ser chamado Triturando e acabou tendo seu horário estendido nesta sexta. Já essa alteração acontece devido à popularidade do quadro Tritura ou Não Tritura, que presente no programa.

Os fãs de Casos de Família estranharam a ausência do programa e usaram as redes sociais para questionar a mudança. “Não vai passar? Estou agoniada aqui”, afirmou uma internauta no Instagram da apresentadora Christina Rocha. “Estou aqui esperando e nada. Podiam ter avisado, telespectador merece respeito”, disse outra.

Na segunda-feira, Triturando irá ao ar às 15h e Casos de Família, às 16h. Triturando continuará com a apresentação de Chris Flores, Mara Maravilha, Lívia Andrade e Gabriel Cartolano avaliam se trituram ou não músicas e famosos. Nesta sexta, a principal vítima do robô Fofobyte foi a secretária Regina Duarte (Cultura).

Não é descartado que o programa volte a chamar Fofocalizando após o fim da quarentena e do período mais turbulento da pandemia. Oficialmente, a assessoria de imprensa do SBT disse que não vai comentar as mudanças.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem