Televisão

Mestre do Sabor: Conheça o chef Rafa Costa e Silva que entra no lugar de Avillez

Na atração desta quinta (28), há uma troca no comando da cozinha

Chef Rafael Costa e Silva com seu novo time
Chef Rafael Costa e Silva com seu novo time - Globo/ Camilla Maia
São Paulo

O Mestre do Sabor (Globo) desta quinta-feira (28) marcará a chegada de um novo chef para a cozinha: Rafa Costa e Silva. Será ele quem dará continuidade ao trabalho desempenhado até então pelo chef português José Avillez, que retornou ao seu país por causa da pandemia do coronavírus.

“Eu estou bem animado e com as melhores expectativas possíveis. Tem sido tudo muito especial e novo para mim. Estou atuando ao lado dos melhores profissionais, com uma estrutura incrível, que dá todo o suporte para a equipe e para todos ali. E ainda tive a oportunidade de viver uma troca com o Avillez, um profissional que eu admiro muito desde a época em que trabalhei na Espanha”, conta o chef carioca.

Rafa é detentor de inúmeros prêmios de gastronomia mundo afora, incluindo uma estrela no Guia Michelin depois de figurar entre os 50 melhores restaurantes do mundo com o Lasai, no Rio de Janeiro.

Novo integrante do Mestre do Sabor, o chef Rafa Costa e Silva diz que é muito difícil substituir o amigo português. "Avillez é um ícone da gastronomia mundial. Eu mesmo, depois que o conheci e saboreei seu restaurante, tive uma mudança de visão da gastronomia."

O convite, diz Costa e Silva, surgiu de uma mensagem trocada com o apresentador Claude Troisgros. "Pensei até que fosse trote, porque ele perguntou se eu podia falar e que era urgente. Comentei com o filho dele, que é meu amigo: 'Acho que clonaram o celular do seu pai'".

Ele afirma que aceitou o convite sob condição de Avillez se juntar a eles na final. "Estamos esperando por isso", diz o chef, ao ressaltar que de ser rotulado. "O que eu mais levo em conta na hora de avaliar um prato é o sabor. Quantidade e técnica dentro de um prato eu só levo em conta para critério de desempate. Há provas com tantos pratos excelentes que é preciso escolher o ‘menos melhor’ (risos)."

O chef é casado e tem um filho pequeno. E é para ambos que ele tem cozinhado em meio a quaentena. “Tenho cozinhado como nunca (risos). Minha esposa também adora cozinhar e até meu filho, que apesar de ter só dois anos, tem adorado ficar na cozinha e participando também.”

O chef português José Avillez esteve nos cinco primeiros programas desta temporada do Mestre do Sabor, porque ele decidiu retornar ao seu país de origem para gerenciar de perto seus restaurantes e ajudar os afetados pela pandemia do novo coronavírus.

"Tem sido uma loucura. Não sabemos o que vai acontecer. Tentamos ajudar da maneira que sabemos. Fazemos cerca de cem refeições diárias solidárias para quem não tem o que comer e projetamos o futuro sem certezas”, diz o chef.

Ele conta que a decisão de deixar o programa foi muito difícil, mas necessária. "Fiquei alguns dias ponderando e acabei por decidir que era o que tinha de fazer. Tive muito apoio de toda a equipe da Globo, diz Avillez, que revela ter esperança de voltar para a final, prevista para julho, ao vivo, caso a pandemia recue em Portugal. "O bastão ficou muito bem entregue ao meu amigo e grande cozinheiro Rafa Costa e Silva", finaliza o cozinheiro.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem