Televisão

Fernanda Lima é xingada de 'imbecil' por Eduardo Costa após discurso em defesa das mulheres

Discurso da apresentadora recebeu apoio de artistas, como Elza Soares

Fernanda Lima, a apresentadora do Amor & Sexo
Fernanda Lima, a apresentadora do Amor & Sexo - Divulgação

São Paulo

Fernanda Lima, 41, bloqueou os comentários de seu perfil no Instagram após receber comentários ofensivos depois de publicar vídeo com seu discurso de abertura do programa Amor e Sexo (Globo) na última terça (6). Na ocasião, a apresentadora falou da luta das mulheres pela libertação dos estereótipos.

"Chamam de louca a mulher. A mulher que desafia as regras e não se conforma. Chamam de louca a mulher cheia de erotismo, de vida e de tesão. Chamam de louca a mulher que resiste e não desiste. Chamam de louca a mulher que diz sim e que diz não. Se levarmos a fama, vamos, sim, deitar na cama. Vamos sabotar as engrenagens desse sistema de opressão. Vamos sabotar as engrenagens desse sistema homofóbico, racista, patriarcal, machista e misógino", diz trecho do discurso.

Nas redes sociais, vários internautas e artistas compartilharam o vídeo e escreveram mensagens de apoio ao discurso da apresentada. Apesar de não citar nenhum político ou partido, Lima também foi alvo de comentários ofensivos, inclusive, do cantor sertanejo Eduardo Costa, que declarou apoio ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL)

"Mais de 60 milhões de brasileiros e brasileiras votaram em Jair Bolsonaro e, agora, vem essa imbecil com esse discurso esquerdista", disse o artista em parte de sua mensagem na rede social.

E continua: "Ela pode ter certeza de uma coisa, a mamata vai acabar, a corda sempre arrebenta pro lado mais fraco e o lado mais fraco hoje é o que ela está. Será que a senhora só faz programa para bandido, pra maconheiro, pra esquerdista derrotado, e pro esses projetos [sic] de artistas como ela?? Bolsonaro não está sozinho, o povo está com ele, e a senhora pode ter certeza, o Brasil vai sabotar é a senhora se DEUS quiser. Sérgio Moro vai começar a ajudar a sabotar, pode esperar kkkk. E tenho dito."

Marido de Fernanda Lima, Rodrigo Hilbert saiu em defesa da mulher e afirmou que "o amor que tenho por você é maior do que todo o ódio do mundo". A apresentadora ainda se manifestou e afirmou que a declaração havia sido feita durante gravação do programa, que aconteceu em julho. "O programa mulher, que foi ao ar esta semana, foi gravado em julho, e, assim como os outros, tem sido preparado com esmero e carinho há meses."

 

Após os ataques, a apresentadora fechou a sua conta para comentários e agradeceu pelo apoio recebido. "Nossa equipe está muito feliz com os debates que o programa tem gerado, pois a nossa motivação é provocar reflexões sobre o papel da mulher na sociedade e como podemos desconstruir as estruturas machistas, homofóbicas e racistas que aprisionam as mulheres e homens. O amor cura." 

Artistas mulheres como a cantora Elza Soares repostaram o vídeo com frases de apoio. "Todas nós em um só discurso. Obrigada", disse Elza. Muitas outras internautas agradeceram a fala de Fernanda, entre outras mensagens.  "Que você continue recebendo todo amor e se blinde contra o ódio gratuito de tanta gente que só tem isso a oferecer. Estamos todas juntas", escreveu uma internauta.

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem