Música

Justiça decide que Katy Perry plagiou música 'Dark Horse'

Cantora foi ouvida como testemunha e garantiu que sua canção era original

Cantora Katy Perry no MusiCares Person Of The Year - Valerie MACON / AFP
Los Angeles

A cantora norte-americana Katy Perry, 34, plagiou seu sucesso de 2013 "Dark Horse" de uma música rap cristã, concluiu um júri nesta segunda-feira (29), em Los Angeles.

Um painel de nove membros decidiu que as semelhanças entre a canção de Perry e "Joyful Noise", de Marcus Gray, constituem uma violação dos direitos autorais.

Durante o julgamento, que durou uma semana, Perry foi ouvida como testemunha e garantiu que sua canção era original.

Os advogados de Gray basearam sua alegação em um trecho instrumental de 16 segundos copiado de "Joyful Noise".

Em um momento irreverente do julgamento, Perry provocou risadas ao se dispor a cantar "ao vivo" quando o sistema de som do tribunal apresentou problemas. 

A cantora e seus advogados não podem mais recorrer. A corte determinará, a partir de terça-feira (30), o valor da indenização a ser paga a Gray pelo plágio.

"Dark Horse" é um dos principais sucessos da carreira de Perry, e chegou a liderar a Hot 100, principal parada da Billboard, por quatro semanas em 2014.

AFP
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias