Estilo
Descrição de chapéu The New York Times

Sobrancelhas grossas voltam com tudo sob influência das redes sociais

Micropigmentação, tatuagem e laminação são algumas técnicas

Beyoncé recebendo o prêmio de melhor performance de R&B por 'Black Parade' durante o 63º Grammy Getty Images via AFP

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Danya Issawi
The New York Times

Talvez você tenha reparado em todas aquelas sobrancelhas espessas no TikTok, penteadas para parecerem lagartas-cabeludas, e perguntado: Como? Há algumas explicações possíveis.

Podem ter sido ampliadas por meio de maquiagem. O criador de vídeos talvez tenha sido abençoado pela natureza com sobrancelhas bastas. Ou o que você está vendo é um par de sobrancelhas que acabam de ser laminadas.

A laminação de sobrancelhas –uma permanente para as pessoas que desejam que elas pareçam mais espessas, mais bastas e talvez um pouco selvagens– é uma das tendências de beleza semipermanente que surgiram recentemente.

Outros exemplos são a tatuagem de sobrancelhas, ou a micropigmentação fio a fio [“microblading”]. Durante a pandemia, alguns esteticistas dizem que o número de clientes que pedem laminações cresceu substancialmente, embora a tendência já exista há alguns anos.

“Acho que estamos todos saindo da fase das sobrancelhas finas, e muita gente quer deixar para trás o look de sobrancelhas desbastadas que usava até recentemente”, disse Jasmine Winsett, esteticista em Boise, Idaho, que cobra US$ 55, cerca de R$ 285, por seus serviços de laminação.

Ela disse ter feito mais de 500 laminações de sobrancelhas desde que começou a oferecer o serviço, em 2020. Winsett atribui à mídia social o avanço na popularidade desse tratamento. A hashtag #browlamination foi usado em mais de 1,4 milhão de postagens no Instagram e em mais de 365 milhões de postagens no TikTok.

Depois de ver a cantora e influenciadora Madison Beer esculpir suas sobrancelhas até deixá-las bastas e perfeitas, em um tutorial de maquiagem online, Ashley Gross, 26, ficou com vontade de fazer a mesma coisa.

Gross, que trabalha com mídia social, começou uma busca no Google por produtos cosméticos que ajudassem suas sobrancelhas a atingir as alturas que ela desejava, mas o que encontrou em lugar disso foram informações sobre o procedimento de laminação de sobrancelhas.

“Jamais tinha ouvido falar disso”, disse Gross. “Comecei a procurar informações no Instagram para ver como o procedimento funcionava em pessoas normais, que não pareçam modelos”. A solução pode parecer simples, mas manter as sobrancelhas à beira de parecerem desarrumadas e no entanto ainda assim perfeitamente alinhadas requer esforço.

Para começar, qualquer pessoa interessada em laminar as sobrancelhas precisa deixá-las crescer, idealmente por quatro a seis semanas. Depois, em um salão de beleza, um esteticista as limpa com uma solução que remove gordura, e um gel que causa um efeito de permanente é aplicado para romper os elos existentes entre os pelos das sobrancelhas.

Depois disso, elas são escovadas e preparadas com um gel neutralizante, e o resultado final é um look que oferece sobrancelhas mais espessas. A mania das sobrancelhas cabeludas parece ter surgido online, a bordo de uma tendência chamada “sobrancelhas de sabonete”: a pessoa aplica sabonete em barra às sobrancelhas com um pincel, para manter os pelos esculpidos e no lugar desejado.

“Foi algo que vi demais no TikTok”, disse Gross, que já fez três laminações de sobrancelhas desde sua primeira, em abril. “A laminação propicia o mesmo look. Mas você já sai da cama com aquela cara”. Ela acrescentou que “a pandemia fez com que eu ficasse muito preguiçosa, e por isso tenho certeza de que vou continuar com essa técnica pelo futuro previsível”.

Leigh Blackwell, diretora da London Brow Co., especializada em produtos para sobrancelhas, disse que a pandemia, ajudada pela mídia social, mudou as rotinas de beleza das pessoas. “Em lugar de um look todo bem acabado e perfeito, como os criados com maquiagem, percebemos que podemos fazer menos e ainda parecer OK, ou razoáveis, para nossas reuniões e conversas por Zoom”, disse Blackwell.

A companhia dela, que começou a vender produtos de laminação no final de 2019, disse que até o momento eles já foram usados em 800 mil laminações. Blackwell enfatizou a importância de fazer a laminação de sobrancelhas com um profissional. Como no caso de muitos procedimentos que surgiram em salões de beleza, o impulso de tentar fazer a mesma coisa em casa pode ter consequências sérias.

“É um produto químico. Pode degradar os pelos das sobrancelhas a tal ponto que seria impossível recuperá-los”, ela disse, ao discutir os kits de laminação caseira. “Esse é o pior cenário, se alguém decidir usar os produtos da maneira que não deve”.

Mas para muitos clientes, como Gross e Victoria Palma, 23, que começou a fazer permanentes em suas sobrancelhas em outubro do ano passado, a laminação se tornou um modo de manter uma rotina de beleza simples e de ganhar mais confiança, em um período no qual as pessoas tiveram de passar muito tempo presas em casa, em 2020.

“Estávamos em quarentena. Pensei comigo mesma que, bem, estava em casa, mas ainda queria me sentir bem sobre mim”, disse Palma. Depois da laminação, “na verdade você não precisa fazer mais coisa alguma para que suas sobrancelhas pareçam bonitas”.

Traduzido originalmente do inglês por Paulo Migliacci

Traduzido originalmente do inglês por Paulo Migliacci

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem