Estilo

Botões em vestidos, saias e calças conquistam as famosas e são tendência do próximo verão

Apostas em detalhes grandes estão retornando com tudo neste ano

Sempre elegante, Meghan Markle usa vestido com botões
Sempre elegante, Meghan Markle usa vestido com botões - Yui Mok-18.abr.2018/Reuters

Descrição de chapéu Agora
Olga Bagatini
São Paulo

O botão ressurge forte para a próxima estação. E volta à moda da mesma maneira como era usado na época em que surgiu: mais do que a utilidade de fechar as peças, ele aparece com a função de enfeitar e adornar os itens de vestuário.

“É uma tendência que já foi usada há muito tempo e que agora retornou com tudo”, confirma a estilista Thaís Moretzsohn. Ela explica como as marcas estão adotando o acessório em suas criações. "Nos vestidos e nas saias midi, que também são uma forte tendência atual, eles podem ser usados na vertical, acompanhando o comprimento; nas laterais, como objeto decorativo; ou até mesmo espalhados na horizontal."

O botão também pode estar em cortes de blusas e jaquetas. O importante é que a abotoadura esteja aparente e que chame a atenção: nada de escondê-lo nas dobras de tecido ou na costura. Os botões ganham destaque, dando charme e incrementando "looks".

"É uma moda que vem e vai. Depois do minimalismo, as apostas em detalhes grandes estão retornando com tudo. Os maxibotões vêm em detalhes frontais. Isso já foi sucesso em outras épocas, principalmente nos anos 1970, e agora retorna para certamente deixar o 'look' mais fashion”, avalia Daniela Dornellas, curadora do Fashion Meeting, encontro entre profissionais do mundo da moda.

Marcando presença nas passarelas das principais semanas de moda do mundo, os botões caíram no gosto das famosas e influenciadoras. A blogueira brasileira Camila Coelho, ícone de estilo com mais de 7 milhões de seguidores no Instagram, publicou fotos recentes usando peças repletas de diferentes botões, como saias, blusinhas e blazers.

Até mesmo Meghan Markle, a duquesa de Sussex, entrou na moda. Ela apareceu recentemente usando um vestido adornado com o utensílio em Londres. A peça era bege com listras pretas e finas, repleta de botões escuros no comprimento, abaixo das alças e em cima dos bolsos.

Assim como os demais "looks" que costuma escolher, a esposa do príncipe Harry apostou em um modelo elegante e discreto. Para completar, ela optou por um casaco preto decorado com botões dourados. Não é à toa que Meghan Markle foi eleita pela revista People a mulher mais bem-vestida do ano.

O vestido abotoado vem como a peça hit do próximo verão. E, para além da questão estética, a peça é também um item prático para ter no armário, já que pode ser usada em diversas ocasiões, mais curta ou mais longa, a depender de quantos botões se quer abotoar.

Basta ficar atenta ao tipo de evento e combinar com o tecido ideal e o sapato de sua escolha. As opções são inúmeras, e as possibilidades de criar "looks" diferentes, também. "O vestido com botões faz um estilo mais despojado. Não precisa usar só com salto, dá para combinar com tênis, alpargata e até sandália gladiador, dependendo da ocasião”, diz a estilista

Outro ponto positivo da peça é que fica bem em vários tipos de corpo. Para Thaís, o caimento alonga a silhueta e é mais indicado para mulheres com corpo ampulheta, com busto e quadril largos, ou triângulo, com ombros mais estreitos. Mas Daniela Dornellas lembra que, para além dos vestidos, os botões são acessórios democráticos e podem ser usados em diferentes peças.

"O maxibotão continua sendo um elemento útil na peça, para abrir e fechar, então a dica especial é escolher um traje mais confortável ao corpo e não tão justo. Assim, o caimento fica perfeito”, completa a fashionista.

BOTÕES JÁ FORAM SÍMBOLOS DE LUXO E OSTENTAÇÃO

Antes de servirem para fechar as vestimentas, os botões eram considerados itens de luxo, status e ostentação, principalmente durante a Idade Média. Foi apenas no século 13 que as peças passaram a ter uso funcional.

Naquela época, elas eram habitualmente costuradas do lado esquerdo dos trajes femininos, o que facilitava a vida dos criados que iam ajudar as senhoras a se vestir. Isso já dá uma dimensão de como os botões eram exclusivos das classes altas.

Já nos trajes masculinos, eles eram costurados do lado direito, pois os homens deveriam ser capazes de abrir o casaco sem precisar largar a espada, que geralmente ficava na mão direita.No mundo moderno, o ornamento esteve na moda nos anos 1970 e foi se consolidando em 1980 e 1990. Agora, mais de duas décadas depois, está de volta.

Agora
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem