Diversão

Circo da China apresenta malabarismos e trupe de acrobatas em homenagem à cultura do país

Companhia encerra temporada nesta semana em São Paulo

Bailarinos do Circo da China fazem ‘Lion Dance’, um dos destaques do espetáculo "China Esplêndida"
Bailarinos do Circo da China fazem ‘Lion Dance’, um dos destaques do espetáculo 'China Esplêndida' - Divulgação
Descrição de chapéu Agora
Tatiana Cavalcanti
São Paulo

Malabarismos de tirar o fôlego e números acrobáticos que impressionam podem ser vistos no Circo da China, grupo que já passou por mais de 60 países e 450 cidades pelo mundo. Mas os brasileiros têm o privilégio de serem os primeiros, fora do país sede da companhia, a assistir ao espetáculo "China Esplêndida", que encerra sua temporada em São Paulo nesta semana.

"Eles decidiram estrear no Brasil, que é um público muito caloroso", afirma a produtora do festival, Monica Margato. Um dos números mais conhecidos e mais interessantes da Shenyang Acrobatic Troupe (trupe de acrobatas do Circo) é a “Lion Dance” (Dança do Leão). Na performance, bailarinos realizam acrobacias simulando movimentos de leões, que representam fortuna, felicidade e sucesso.

Outro destaque é "High Chairs", em que um acrobata se equilibra em uma torre de cadeiras empilhadas.
Decepciona um pouco o uso de cordas em alguns números de malabarismos. Mas não chega a tirar a tensão e a beleza dos movimentos precisos executados pelos chineses, que são treinados desde os cinco anos de idade.

Para fazer parte da trupe no espetáculo principal, eles demoram 15 anos, o que faz com que a equipe esteja em frequente renovação. Fundado em setembro de 1951, o Circo da China é uma das companhias de mais prestígio em seu país.

China Esplêndida

  • Quando Domingo (10), às 16h e às 20h; qua., às 21h; sex. e sáb., às 17h e às 21h; Até 16/2.
  • Onde Credicard Hall (av. das Nações Unidas, 17.955, Santo Amaro)
  • Preço A partir de R$ 70 (há meia-entrada)
  • Classificação Livre
  • Tel. (11) 4003-5588
Agora
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas Notícias