Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Tony Goes

Arthur Aguiar descobre que ganhou o BBB 22, mas não o coração dos brasileiros

Ator foi vaiado, teve documentário cancelado e saiu das redes sociais

Arthur Aguiar - João Cotta 27.abr.2022/Globo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

A vida de um campeão do Big Brother Brasil costuma ser doce, e não só por causa do prêmio de R$ 1,5 milhão. A médica Thelma de Assis, vencedora de 2020, se tornou apresentadora de TV, influenciadora digital e garota-propaganda de diversas marcas. Juliette Freire, então, arrematou sua vitória em 2021 com uma bem-sucedida carreira de cantora.

O futuro também parece sorrir para Arthur Aguiar, que venceu o BBB 22 há pouco mais de duas semanas. Consta que diversos autores da Globo disputam o passe do rapaz para suas próximas novelas, e também há interesse de gravadoras em sua carreira musical.

Já o presente não anda assim tão bom para o ex-"Rebelde" e ex-"Malhação". Apenas três dias depois de sair do programa, Aguiar foi vaiado ao entrar no palco em que Luan Santana se apresentava em Campo Grande (MS). Os dois cantaram juntos e a plateia até aplaudiu no final, mas o estrago estava feito.

Na semana seguinte, a plataforma Globoplay anunciou que as filmagens de um documentário sobre o ator haviam sido suspensas. Surgiram duas explicações diferentes para este cancelamento.

Uma delas diz que o filme não renderia tanta audiência quanto os dedicados a Juliette, Gil do Vigor e Karol Conká, participantes do BBB 21. A outra alega que Maíra Cardi, a mulher de Aguiar, estaria impondo condições inaceitáveis. Nenhuma das duas razões deixa o rapaz bem na foto.

Finalmente, nesta semana, Cardi anunciou que daria um tempo nas redes sociais, no que foi prontamente seguida pelo marido. O casal estaria até mesmo recebendo ameaças, e decidiu ficar offline por um período. Que, de qualquer forma, não poderá se estender muito: como quase todas as celebridades atuais, Maíra Cardi e Arthur Aguiar dependem da internet para se manterem em evidência.

A que se devem esses apuros? No meu entender, a dois fenômenos. O primeiro é a postura de vítima que Aguiar assumiu desde que começou a ser perseguido por Jade Picon durante o reality. A princípio, o público se condoeu, e eliminou rapidamente a influenciadora. Mas, com o passar das semanas, o discurso de coitadinho cansou não só os espectadores, como também os demais participantes do BBB 22.

O segundo é a atitude agressiva dos "pãezinhos", como se autodenominam os fãs de Arthur Aguiar. Praticamente uma milícia digital, eles não só deram a vitória ao seu ídolo, como ainda infernizam a vida de qualquer um que enxerguem como "inimigo", como o humorista Paulo Vieira.

Arthur Aguiar pode ter vencido o BBB 22, mas passou longe de conquistar o coração dos brasileiros. Muita gente deixou de assistir ao programa quando sua vitória se mostrou inevitável, a mais de um mês da final.

Sim, ele tem um fã-clube aguerrido, mas que acaba prejudicando sua imagem. Melhor mesmo dar uma ligeira pausa e esperar a poeira baixar. E aposentar de uma vez por todas a narrativa de perseguição: afinal, ele é um vencedor.

Tony Goes

Tony Goes tem 60 anos. Nasceu no Rio de Janeiro, mas vive em São Paulo desde pequeno. Já escreveu para várias séries de humor e programas de variedades, além de alguns longas-metragens. E atualiza diariamente o blog que leva seu nome: tonygoes.com.br

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem