Publicidade

colunistas - ricardo feltrin

SBT ignora rivais e só lança nova programação em agosto

15/03/2012 - 02h30

Publicidade

RICARDO FELTRIN
EDITOR E COLUNISTA DO "F5"

Silvio Santos não vai entrar na guerra da concorrência que ocorre na TV aberta neste exato momento. Enquanto Globo, Record, Band e RedeTV! anunciam novas atrações, fazem contratações caras e preparam lançamentos de peso, o SBT deve anunciar a nova grade apenas em agosto, que é o mês de seu aniversário.

Roberto Nemanis/Divulgação/SBT
O apresentador Silvio Santos, agora sem tintura na cabeleira
O apresentador Silvio Santos, agora sem tintura na cabeleira

Anos de crise
A verdade é que Silvio Santos também não pode, no momento, investir em muita coisa ou promover grandes alterações na programação. SBT e o Grupo SS ainda enfrentam os efeitos da crise que afundou e levou à venda do banco Pan Americano. De novo, para o segundo semestre, o SBT deve ter apenas uma "pacoteira" de novos filmes e novas temporadas de seriados da Warner e uma minissérie sobre "o maior brasileiro de todos os tempos" --que será apresentada pelo próprio Silvio.

Mastrangelo Reino/Folhapress
O novelista Benedito Ruy Barbosa
O novelista Benedito Ruy Barbosa

O gato subiu no telhado...
A novela "Velho Chico", de Benedito Ruy Barbosa, subiu no telhado. Projeto em curso desde 2009, a obra não caiu muito no gosto da direção da Globo, que a princípio engavetou a história. Segundo esta coluna apurou, a sinopse escrita por Barbosa estava, digamos, política demais para o gosto da emissora. Não havia nada de oficial anunciado, mas a expectativa era que a novela fosse ao ar na faixa das 21h no próximo ano. Já havia até um cotado para o papel principal: Eriberto Leão.

Outro lado
Procurada, a Globo informou, por meio da CGCom, que não tem informações sobre projetos que são apresentados para aprovação. E que, de projetos fechados, há apenas as estreias de "Cheias de Charme" (19h), "Avenida Brasil" (21h) e "Gabriela", para as 23h.

O gato que estava no telhado escorregou....
Nos corredores da Globo tem gente que não chama mais a futura atração de Fátima Bernardes de "programa da Fátima". Os brincalhões dizem "novela" ou "milagre de Fátima". Como esta coluna antecipou, na semana passada, essa "novela" corre risco de ficar para 2013. Isso porque há muitos dramas, personagens e enredos corporativos, de pequenos a enormes, que a Globo deverá resolver antes que o plano em papel vire realidade. Vamos a uma lista de pendências:

Tãããão loooonge, de mim distaaaaante...
De formato, a emissora só sabe que o programa tem de ser ao vivo. Não só há dúvidas em relação ao formato, duração, quadros e convidados, mas também há pouquíssima gente disponível na emissora para colocar a mão na massa (projeto). Um exemplo: o departamento de cenografia da Globo já está ultramegasuperultrassobrecarregado de serviço por conta dos projetos da dramaturgia em andamento, e tem poucos braços para ajudar... Fazer um cenário novo pode demorar meses. O mesmo vale para a montagem de área técnica, redação etc.

Reprodução/ Twitter
Fátima Bernardes
Onde está você, Fátima Bernardes?

Problema geográfico...
Mas, o problema maior, até o momento, é descobrir em qual estúdio Fátima poderia gravar. Hoje estão todos ocupados até os minutos e segundos. E é óbvio que Fátima não pode ter um estudiozinho chinfrinzinho qualquer.

Provocando...
Ei, dona Globo! Já que está tendo esse problema, por que não gravar o programa da Fátima no RecNov, então? Ao contrário do Projac, parece que lá tem muuuuuitos estúdios ociosos... Que tal, hein? Hein? Hein?

Intuição
Agora falando sério: diferentemente do que sempre ocorre em se tratando da Globo, a impressão que dá, desta vez, é que a emissora não estava realmente preparada para colocar o projeto de Fátima no ar tão rapidamente. Para se ter uma ideia, depois que Ana Maria Braga foi contratada, por exemplo, demorou quase 10 meses para o "Mais Você" ir ao ar. Mas, nesses dez meses, todo mundo trabalhou bem duro. O programa da sra. Bonner, por outro lado, foi anunciado em dezembro e até agora, corre a lenda, só saiu um pilotinho (logo descartado). A Globo não se pronuncia sobre datas de estreia ou faz previsões.

Divulgação
Santoro, o rei Xerxes
Santoro, o rei Xerxes

Santoro Xerxes
Nas próximas semanas, o IMDb (The Internet Movie Database) já deverá ter incluído o novo trabalho de Rodrigo Santoro em seu perfil: a sequência (ou melhor, prólogo) do longa metragem e épico "300". O novo filme contará as origens de mocinhos e vilões de "300", filme que custou US$ 70 milhões e arrecadou mais de US$ 450 milhões. A história é baseada na graphic novel "Xerxes", de Frank Miller. A direção ficará a cargo do israelense Noam Murro ("Vivendo e Aprendendo").

Querido diário
A informação sobre o novo filme com participação de Santoro foi antecipada pelo "F5" no dia 3 de novembro do ano passado

Dedo do Midinho
Depois da cobrança de dízimo com débito automático em conta corrente, o missionário R.R.Soares, da Igreja Internacional da Graça, novamente faz história (e dinheiro): o ibope de seu programa "Show da Fé", na Band, só fica acima de 1 ponto quando ele exibe trechos do desenho animado "Midinho, o Pequeno Missionário". Midinho é um garoto que quer ser pregador evangélico e enfrenta o preconceito e a intolerância --de outras crianças e de adultos. Os DVDs de Midinho estão entre os produtos mais vendidos no "shopping" da igreja. É, obviamente, um desenho maniqueísta, mas, no fundo, até que é fofo. Veja um trechinho abaixo:

Vídeo

Francisco Cepeda/AgNews
Almicare Dallevo e Marcelo de Carvalho
Almicare Dallevo e Marcelo de Carvalho

Trabalhando com o inimigo...
Aconteceu no último dia 2. Minutos depois de encerrada a coletiva convocada por Amílcare Dallevo e Marcelo de Carvalho para anunciar a contratação de Rafinha e reclamar do "Pânico", que mudara para a Band, surgiu o rumor, na RedeTV!, de que Carvalho havia vendido sua parte na emissora --o que ele prontamente negou a esta coluna...

Ahan...
O que fica de notável (ou estranho, como queiram) foi o "timing" do boato --instantes após a coletiva, como se tivesse sido previamente preparado-- e o fato de, dessa vez, haver certeza de que ele surgiu dentro da sede da emissora.

Acompanhe o perfil fofo do ''F5'' no Facebook

Após longo parto induzido
A Claro TV (antiga Via Embratel) anunciou oficialmente que fechou acordo e vai passar a distribuir o Fox Sports. Não revelou, porém, se o canal vai entrar nos pacotes básicos ou se vai custar mais um "cascalho" para os pobres assinantes interessados no novo canal esportivo. A Claro fez testes com o canal, mas logo o retirou do ar. Agora, diz, é pra valer. Depois de meses de negociação, a Sky também acabou fechando acordo e vai distribuir o Fox Sports.

"Pânico" na Band
A entrada do "Pânico" aos domingos vai mexer com a grade de programação da Band. E não só a do domingo, mas de toda a semana. O humorístico vai obrigar a Band a realocar vários seriados hoje exibidos no final do domingo (como "Bones") para outros dias da semana. Que, por sua vez, já estão preenchidos. Vem aí muita dor de cabeça para os executivos de programação...

SOOOOOOOOBE!

AP
Jay Leno

'The Tonight Show with Jay Leno', na Record News

É de longe o melhor conteúdo exibido pela Recordnews hoje. O programa norte-americano de entrevistas é tão bom e engraçado quanto o do rival de Leno, David Letterman (hoje exibido na GNT), com a vantagem de ir ao ar muito mais cedo. É uma atração absolutamente imprescindível para quem gosta de dar boas risadas e de divertir antes de dormir..

DEEEEEEESCE!

Divulgação
Logo' da emissora

"Jornal do SBT - Edição da Manhã"

Não tem cabimento colocar no ar um telejornal cozido com matérias que foram gravadas horas e horas antes. Em boa parte das vezes o noticiário já está desatualizado, quando não ultrapassado ou inexistente. A mesma coisa é repetida várias vezes. O SBT tem pessoal que acorda cedo, equipamentos e capacidade suficientes para fazer um telejornal matinal de verdade, com notícias fresquinhas, como se deve. E não esse sopão requentado noticioso exibido todas as manhãs.

Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin, 51, é colunista do "F5", site de entretenimento da Folha, e também colunista do UOL, onde apresenta o programa "Ooops!" às terças. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros.

  • Últimas notícias 
  •  

gostou? leia também

  •  

resumo das novelas

Siga agora o F5 no Twitter

Publicidade

Livraria da Folha