Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Celebridades

Locutor de show de Gusttavo Lima critica comunismo e defende 'Deus, pátria e família'

Assessoria disse que não houve influência do cantor ou organização no discurso

O cantor Gusttavo Lima - AgNews
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Erramos: esse conteúdo foi alterado
São Paulo

O locutor de um show do cantor Gusttavo Lima, 32, realizado em Brasília, fez um discurso contra o comunismo e em defesa de "Deus, pátria e família". A apresentação, que aconteceu no último sábado (21), foi a mesma em que foram registrados vídeos de uma briga generalizada entre pessoas da plateia.

Vídeos que circulam pelas redes sociais mostram quando o locutor defendeu "Deus, a pátria e a família" —lema do integralismo— e ainda complementou dizendo que "aqui nunca vai ser o comunismo". Apesar de não citar o nome do presidente Jair Bolsonaro (PL), ele usou um discurso parecido com o do político.

Ele ainda pediu "liberdade para pensar, liberdade para agir, liberdade para conversar, liberdade para estar na internet, liberdade de expressão". "O Brasil é nosso. O Brasil do trabalho, da conquista. O Brasil de Deus, pátria e família. É o Brasil de gente abençoada", disse.

Apesar de o discurso não ser do cantor, Gusttavo Lima é um dos artistas que apoiam a reeleição do político. A assessoria do músico, no entanto, afirmou uma nota que "não houve influência do cantor, nem da organização nas palavras ditas". "Respeitamos a posição política de todos, independentemente de partido e não vamos mais comentar o assunto", completa.

​O evento aconteceu no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Na segunda (23), o sertanejo comentou a briga generalizada que aconteceu na apresentação, e divulgou um comunicado onde afirma ter realizado o evento com "forte esquema de segurança" para "plena diversão do público", afirmou.

ERRAMOS: O conteúdo desta página foi alterado para refletir o abaixo

O discurso contra o comunismo e em defesa de "Deus, pátria e família" foi feito pelo locutor do ​show, não pelo cantor Gusttavo Lima, como escrito em versão anterior. O texto foi corrigido.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem