Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Celebridades

Sarah Poncio desabafa após perder guarda do filho: 'Quebrada por dentro'

Mãe biológica ganhou processo para ter bebê de volta, interrompendo adoção

Sarah Poncio com o filho adotivo Josué - Instagram/sarah
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A influenciadora digital Sarah Poncio teve o processo de adoção de Josué Márcio, 2, interrompido. Em comunicado enviado à imprensa nesta quinta-feira (9), a família Poncio diz que a mãe biológica solicitou a guarda da criança.

Segundo a família Poncio, a decisão de adotar Josué foi baseada na esperança de resgatar uma criança em situação de vulnerabilidade social, oferecendo um lar adequado, repleto de amor e carinho.

"Todo o processo correu com o respaldo da lei, além de aprovação e bem entendimento de ambas as partes. Dito isso, Josué se tornou uma parte essencial da realidade de Sarah, ele se tornou, de fato, um filho", diz o comunicado.

A família Poncio diz que, ao tomar conhecimento da decisão da Justiça, se encontrou em uma situação onde nenhuma família deveria vivenciar: a perda irreparável de uma criança. "Ao primeiro contato de olhares, Sarah se sentiu conectada com Josué.

Nas redes sociais, a influenciadora postou fotos com o bebê e disse que quando encontrou o Josué se tornou mãe mais uma vez. "Não importa o que digam, eu serei eternamente sua mãe. Eu cuidei dele com zelo, nutri com afago e vivi sua vida em cada célula do meu corpo", escreveu Sarah.

Sarah diz sentir-se perdida com a perda do filho e quebrada por dentro. "Me foi tirado meu filho! Estou quebrada por dentro, como se minha casa tivesse sido invadida e meu lar, que sempre me proporcionou segurança, tivesse sido violado."

A influenciadora afirma que precisa encontrar forças para os outros filhos que dependem dela, mas neste momento só consegue orar. "Pedir a Deus que acompanhe o meu filho e nunca o desampare. E quando precisar, estarei aqui. Pois uma mãe, jamais deixa de ser mãe. O nosso amor não tem distância, validade ou DNA. O nosso amor, o meu amor, é incessante, inalterável e infinito.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem