Celebridades

Luísa Sonza é assaltada em São Paulo

Assessoria da cantora afirma que ela está bem

Luísa Sonza
A cantora Luísa Sonza - @luisasonza no Instagram
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Luísa Sonza, 23, foi assaltada na noite desta terça (12), em São Paulo. A assessoria da cantora disse que ela está bem, mas não divulgou detalhes do ocorrido.

Segundo o colunista Leo Dias, do Metrópoles, bandidos renderam Sonza e amigos que estavam com ela em uma farmácia. Eles levaram o celular dela e pertences de outras vítimas.

Antes do assalto, ela publicou vídeos no Stories do Instagram curtindo o show da Banda Melim, no Espaço das Américas, na capital paulista. Em algumas imagens, ela aparece no palco com a banda.

Em julho, a cantora lançou o projeto “Doce 22”. Gaúcha de Tuparendi, cidade com cerca de 8.000 habitantes, Luísa Sonza começou a despontar há cerca de cinco anos ao fazer covers em seu canal no YouTube. Mas foi seu casamento com o influenciador Whindersson Nunes, 26, que a deixou conhecida.

Desde então, a cantora emplacou uma série de sucessos e colecionou parcerias, mas também se tornou alvo de uma porção de críticas. Suas roupas, danças, possíveis plásticas, o divórcio e as especulações de traição se tornaram movidos de ataque.

“Sempre tive que ser muito forte, me mostrar forte, então me fechei de muitas maneiras. Até por ser canceriana criei uma casca”, afirmou a cantora na ocasião do lançamento do trabalho. “Mas neste ano tive que aceitar minhas vulnerabilidades”, completou.

“Doce 22” é o resultado desse processo. Foram 14 meses de trabalho, com Luísa atuando não só como cantora, mas como produtora, editora criativa, compositora, roteirista dos clipes. “Me envolvi totalmente, todos os dias da minha vida”, disse.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem