Celebridades

Lídia Brondi faz rara aparição, e internautas comentam saudade de vê-la atuando

Cassio Gabus Mendes publica foto da mulher, que abandonou carreira de atriz há 30 anos

Cassio Gabus Mendes e Lídia Brondi
Cassio Gabus Mendes e Lídia Brondi - Instagram/@cassiogabus
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Após Cassio Gabus Mendes, 59, publicar uma foto ao lado da mulher, Lídia Brondi, 60, famosos e anônimos comentaram a saudade de vê-la atuando em novelas, filmes ou no teatro.

A ex-atriz e hoje psicóloga foi uma das maiores estrelas da TV brasileira na década de 1980. Sua última novela foi "Meu Bem, Meu Mal" (1991). Nos palcos, fez a sua última peça no ano seguinte. E então, sem aviso, ela sumiu de cena.

"Que saudades de Lídia Brondi", comentou o autor Daniel Ortiz, de "Salve-se Quem Puder", na imagem postada por Cassio Gabus Mendes no sábado (12), Dia dos Namorados. Outros famosos também comentaram a foto como a atriz Carolina Dieckmann. "Lídia, musa eterna da minha life [vida]", afirmou.

"Como amamos você, Lídia Brondi", escreveu uma internauta. "Afonso e Solange eternos", afirmou outra fã da atriz em referência aos personagens que Cássio e Lídia interpretaram em "Vale Tudo" (1988). Solange Duprat foi um dos papéis marcantes interpretados por ela —quem viu a trama, lembra que ela chamava todo o mundo de chéri.

Outra seguidora respondeu "Doca e Fernanda", citando o casal vividos por eles em "Meu Bem, Meu Mal". Foram nas gravações dessa novela, que Cássio e Lídia começaram a namorar. Estão juntos desde então, mas só oficializaram a união em 2013.

Lídia estreou na Globo ainda adolescente, em 1975, na novela "O Grito". Mas só estourou mesmo em 1978, na clássica "Dancin' Days", de Gilberto Braga. Dali em diante, encadeou um sucesso atrás do outro.

Desde a sua decisão de abandonar a carreira artística, aparições públicas dela são raras. Em 2016, uma foto de Lídia banal, jantando um restaurante paulistano ao lado do marido, causou grande furor na internet.

Muitas pessoas se perguntavam à época e agora o que levou uma atriz de tanto sucesso a largar a carreira, no auge da fama. A própria Lídia já disse que simplesmente se cansou, e que queria fazer outra coisa. Após abandonar a carreira artística, ela cursou Psicologia e abriu um consultório em São Paulo.

Cerca de 20 anos depois da decisão de Lídia Brondi, Ana Paula Arósio seguiu roteiro parecido. A atriz vive reclusa desde 2010, quando faltou a gravações da novela "Insensato Coração", da Globo, e foi afastada pela emissora.

Depois disso, ela apareceu em apenas três filmes "Anitta & Garibaldi (2013), "A Floresta que se Move" (2015) e "Primavera"(2018). Mas, apesar desses trabalhos, se manteve discreta e misteriosa.

Em agosto de 2020, ela brincou com o próprio sumiço ao reaparecer como estrela de uma campanha publicitária do Banco Santander. Após dar o recado sobre um novo produto de transações financeiras do banco, ela despede-se do público falando sobre o seu já lendário desaparecimento. "Bom, agora eu vou, porque desacostumei da civilização. Vou voltar para o meu SX, sabático em Xangri-Lá", disse.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem