Celebridades

Kanye West diz que tenta se separar de Kim Kardashian há dois anos

Rapper apagou declarações publicadas na rede social nesta quarta (22)

Kanye West e Kim Kardashian
Kanye West e Kim Kardashian - Allison Joyce/REUTERS
São Paulo

Kanye West, 43, voltou a falar sobre o casamento com Kim Kardashian no Twitter durante a madrugada desta quarta-feira (22). O rapper afirmou que tenta se divorciar da esposa, com quem tem quatro filhos, há dois anos.

West também mostrou prints da sua conversa com a sogra, Kris Jenner. Segundo ele, a empresária está ignorando suas mensagens. Na madrugada de terça, o cantor contou também que estava passando pela mesma situação do filme "Corra!" (2017), já que a sogra e a esposa estavam querendo interná-lo a força em uma clínica psiquiatra.

"Elas tentaram voar com dos médicos pra mim. Kris e Kim fizeram isso sem a minha aprovação ... não é isso que uma esposa deve fazer. Supremacia branca", escreveu o rapper, que logo excluiu os tuítes.

Em outra publicação também excluída, Kanye West escreveu: "Kim estava tentando viajar para Wyoming com um médico para me internar como no filme 'Corra!', só porque eu chorei para salvar a vida as minhas filhas ontem".

A atitude da socialite teria sido motivada após o cantor, que lançou sua pré-candidatura à presidência dos Estados Unidos, revelar que pensou em abortar a primeira filha North West, 7. No discurso, feito neste domingo (19), West caiu em prantos e mostrou que não estava bem.

Kanye West também fez um tuíte dizendo que suas filhas nunca estampariam uma capa da Playboy. Ele e Kim Kardashian são pais de quatro crianças: North, 7, Saint, 4, Chicago, 2, Psalm, 1. O filme "Corra!" citado pelo rapper conta a história de um jovem negro que é raptado pela família da namorada branca em troca de uma lavagem cerebral.

Recentemente o site norte-americano TMZ, afirmou que a família do rapper estava muito preocupada já que ele tem ao menos uma crise de transtorno bipolar por ano. Em 2018, o músico já havia falado que parou de tomar seus remédios para controlar o problema, pois isso reteria sua criatividade.

No último domingo (19), West chorou ao contar sobre quando pensou na possibilidade de Kim fazer um aborto da primogênita do casal, North West, 7. A fala aconteceu durante o primeiro evento da campanha do rapper, em North Charleston, na Carolina do Sul.

"Quase matei minha filha", afirmou o músico com lágrimas nos olhos. Ele também disse que seu pai também desejo abortá-lo. West disse que a revelação poderia irritar a mulher dele, mas que se ela quiser se divorciar depois desse discurso, "pelo menos eles têm a North".

Vale lembrar que Kanye West anunciou que concorreria à presidência no Twitter no último dia 4 de julho, dia da Independência dos Estados Unidos. Apesar do apoio de Kim Kardashian, a candidatura virou piada entre alguns famosos.

Ele oficializou a candidatura na semana passada, mas ainda não sabe se ela será aceita porque as cédulas eleitorais já haviam sido impressas em Estados como Indiana, Nova York e Texas. Uma pesquisa eleitoral apontou que ele tinha 2% de intenções de voto.

Twitter do rapper Kanye West
Twitter do rapper Kanye West - Reprodução/twitter
Twitter do rapper Kanye West
Twitter do rapper Kanye West - Reprodução/twitter
Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem