Celebridades

Anitta se posiciona sobre ataques racistas que Ludmilla vem sofrendo dos seus fãs

'Minha equipe já está apurando tais perfis', afirmou a cantora nas redes sociais

Anitta em campanha da Hope
A cantora Anitta em campanha para a Hope, marca de lingerie - Hope/Divulgação
São Paulo

Anitta, 27, usou sua rede social para se manifestar pela primeira vez, indiretamente, sobre sua briga com a cantora Ludmilla, 25, que veio à tona no início dessa semana, após a intérprete de "Verdinha" vazar uma série de conversas e áudios entre as duas.

"Criminosos covardes que se dizem meus fãs estão propagando mensagens de racismo e injuria racial nas redes sociais.Já disse e repito: Isso é abominável e inadmissível", escreveu Anitta em um Story compartilhado em seu Instagram, se referindo aos ataques racistas que a ex-amiga está recebendo de alguns internautas que se dizem seus fãs.

Apesar de não citar o nome de Ludmilla, a cantora carioca disse que sua equipe já está apurando os perfis que ofenderam a colega de trabalho da música "Onda Diferente". Segundo ela, até o momento nenhum dos perfis estão cadastrados como fã clube oficial. "Mas não me calarei ou me acomodarei frente a esses absurdos que tenho lido e que estão chegando até mim", completou.

"Quem fez isso vai pagar pelo que fez. E quem pensar em fazer, saiba que a justiça vai atrás de você também. Já acionei advogados e especialistas em crimes de internet. Racismo é crime", finalizou.

Ainda nesta quarta-feira (17), Anitta vai realizar uma live sobre crimes de internet. A transmissão será feita com um especialista que vai explicar mais detalhes sobre o assunto.

Apesar de estarem com a amizade estremecida desde 2019, quando a história sobre os direitos autorais da composição de "Onda Diferente", foram questionados por Ludmilla, só nesta semana que a briga das cantoras se concretizou. Na última sexta (12), Ludmilla publicou capturas de tela de conversas com Anitta e disse que apesar de não querer confusão, não aguentava mais ver a ex-amiga falando seu nome em lives e transmissões ao vivo.

A funkeira de "A Danada Sou Eu" resolveu compartilhar um vídeo em que expõe diversas conversas antigas com a Anitta e explicou que foi ao seu limite depois de "aguentar muita coisa calada". A publicação feita levou o nome de "carta aberta" e surpreendeu os fãs.

"Toda vez que eu tenho que tocar nesse nome, fala sobre ela, me traz uma sensação muito ruim. Vocês, fãs, são muito privilegiados de ter ela só de distância, ali do palco. Se vocês tiverem um dia de convívio com a pessoa, vão se desapontar", completou Ludmilla.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem