Celebridades

Tonico Pereira se declara presidente dos Estados Unidos e convoca o colega José de Abreu

'Vai ter que negociar comigo, venha de quatro', brincou o ator

O ator Tonico Pereira
O ator Tonico Pereira - Rafael Hupsel/Folhapress
São Paulo

Depois que o ator José de Abreu, 72, proclamou-se presidente do Brasil, o seu colega Tonico Pereira, 70, arriscou um cargo maior. "Acabo de me proclamar presidente dos Estados Unidos", afirmou em vídeo no Instagram, convocando Zé de Abreu a negociar com ele.

"Zé, você se fodeu, vai ter que negociar comigo", afirmou Pereira, que já teve uma resposta do amigo. "Meu caro Tonico. Quem gosta de ficar de quatro para americano é o #PresidenteLaranjaNuncaMais e seus filhos! To fora!", afirmou Abreu.  Na foto, ele aparece com a faixa presidencial e o slogan: "Brasil ao lado de todos. Nem em cima nem embaixo".

Em um primeiro vídeo, Pereira se refere ao prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB). "Cuidado, prefeito bispo. Devido as suas constantes ausências da cidade, principalmente no Carnaval, eu posso me declarar prefeito", afirmou Tonico.

A brincadeira começou quando José de Abreu fez uma fotomontagem com uma faixa presidencial se declarando presidente do Brasil. Em uma série de publicações no Twitter, ele diz que segue o exemplo do líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó, que se declarou presidente interino da Venezuela, no dia 23 de janeiro. 

"A partir de hoje [25] eu sou o autodeclarado Presidente do Brasil. Igual fizeram na Venezuela. Lula está nomeado chefe da casa civil, militar e religiosa do Brasil", escreveu o ator.

Desde então, Abreu publica mensagens sobre as suas decisões como presidente. Uma delas é soltar o ex-presidente Lula para que ele possa "assumir o Ministério dos Justos". 

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem