Celebridades

Grávida, Meghan Markle desiste de viajar para a Zâmbia com o príncipe Harry por medo da zika

Duquesa de Sussex deverá passar os próximos dias com a mãe, Doria

Príncipe Harry e Meghan Markle durante evento no final de outubro
Príncipe Harry e Meghan Markle durante evento no final de outubro - AFP

São Paulo

Meghan Markle, 37, que anunciou no mês passado que está grávida de seu primeiro filho, desistiu de fazer uma viagem a Zâmbia ao lado do marido, o príncipe Harry, devido ao risco do vírus da zika. A duquesa de Sussex deverá passar os próximo dias com a mãe, Doria, que está visitando o Reino Unido. 

“Meghan está exausta e, compreensivelmente, expressou sérias preocupações sobre viajar para um país que tenha a ameaça da zika, mesmo que seja pequena”, afirmou ao jornal britânico The Sun uma pessoa de dentro do Palácio de Kensington. Harry então fará a viagem de dois dias a Zâmbia sozinho. 

O vírus da zika, é transmitido pelo mosquito Aedes aegypti pode causar danos ao feto caso seja contraído pela mãe durante a gestação. Entre os problemas atribuídos à doença estão morte do feto, restrição de crescimento, danos na placenta e lesões no sistema nervoso central.

Harry e Meghan anunciaram a gravidez cinco meses depois do casamento. Segundo o The Telegraphy, o casal deu a notícia à rainha e aos outros membros da realeza em 12 de outubro, Dia da Criança, quando todos já estavam reunidos para celebrar o casamento da princesa Eugenie com Jack Brooksbank. 

Como de costume, Meghan aguardou as 12 semanas para fazer o anúncio. Na semana passada, ela exibiu a barriga saliente durante o Royal Variety Performance, tradicional evento de gala beneficente realizado pela Família Real Britânica todos os anos. O bebê deve nascer na primavera inglesa —outono no Brasil. 

Harry e Meghan anunciaram neste sábado (24) que pretendem se mudar antes do nascimento do bebê. Eles deixarão Nottingham Cottage, que faz parte do histórico Palácio de Kensington, e irão para a residência de Frogmore, que fica dentro do castelo de Windsor, a cerca de 30 km de Londres. 

O anúncio contraria as expectativas de que o casal se mudaria para um apartamento ao lado do príncipe William e Kate Middleton. O imóvel chegou a passar por uma reforma de 1,4 milhão de libras (R$ 7 milhões), segundo o jornal inglês Daily Mirror. 

Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem