Celebridades

Thais Fersoza conta sobre música que ela e Michel Teló fizeram para o filho

Teodoro, seu segundo filho do casal, nasceu em julho de 2017

Cantor Michel Teló com a mulher, a atriz Thais Fersoza, e os filhos, Teodoro e Melinda
Cantor Michel Teló com a mulher, a atriz Thais Fersoza, e os filhos, Teodoro e Melinda - Reprodução/Instagram/tatafersoza

São Paulo

Dez meses após dar à luz Teodoro, seu segundo filho com o cantor Michel Teló, a atriz Thais Fersoza, 34, falou sobre a música que ela e o marido compuseram para o garotinho. Em um vídeo para o seu canal no YouTube, ela disse que a letra foi feita ao longo da gestação assim como a da primogênita, Melinda.

"Quando estávamos grávidos a gente estava ansioso para fazer a música. Depois falamos em desencanar, música é emoção, tem que fluir, vir na cabeça. A gente relaxou e a música foi aparecendo, surgindo acontecendo", falou Fersoza, que se derreteu em elogios ao caçula.

"Teodoro veio como um presente. Presente de Deus na hora que tinha que ser. Queria muito um casal e veio o Teodoro na hora que ele achou que tinha que ser. Hoje vejo que não faria o menor sentido sem o Teodoro na nossa vida. Foi pertinho um do outro, eles são companheiros, brincam juntos, interagem."

Porém, diferente do que fizeram quando esperavam Melinda, eles não gravaram a música do caçula antes dele vir ao mundo. "A gravidez dele passou muito rápido, foi muito ligeiro. Tinha só ido para uma consulta, aí fiquei sabendo que tinha que ir para o hospital dar à luz. Falei com Michel que não gravamos a música, ele falou a mesma coisa. No carro, indo para casa antes da maternidade, fomos conversando, no parto da Melinda tocou a música dela, no parto do Teodoro tinha que ter. Michel falou: 'Chegando em casa, vou abrir o estúdio e gravar'. E eu chorava de emoção", lembrou ela.

No vídeo, Thais ainda mostrou sua ida para a maternidade e concluiu falando da emoção que viveu."Foi o momento mais lindo e mágico da vida. Eu estava imbuída daquele sentimento todo, do novo que estava por vir. Ter gravado duas, três horas antes de dar à luz foi incrível, mágico, ter vivido dessa forma. Na Melinda nós ouvíamos a música ao longo da gravidez, no Teodoro não, nós cantávamos mas não ouvíamos, fomos gravar quando fui para dar à luz", explicou.

UOL
Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem