Celebridades

Jornais britânicos tentam adivinhar 'cupido' de príncipe Harry e Meghan Markle

Príncipe Harry e Meghan Markle
Príncipe Harry e Meghan Markle em sua primeira entrevista após noivado - Pool via AP


Os jornais do Reino Unido amanheceram repletos de especulações na quarta-feira (29) sobre a figura misteriosa que apresentou o príncipe Harry, 33, neto da rainha Elizabeth, à sua noiva, a atriz Meghan Markle, 36, que se conheceram em um encontro às cegas em Londres.

Em uma entrevista televisiva concedida na segunda-feira (27), quando anunciou o noivado, o casal hesitou em revelar a identidade da amiga em comum que os aproximou.

"Devemos proteger sua privacidade e não revelar muito a respeito," disse Markle. O príncipe acrescentou: "Vamos proteger sua privacidade, sim. Mas foi, literalmente, por meio dela."

Em sua primeira página, o jornal "Times" declarou ter sido a estilista Misha Nonoo, que nasceu no Bahrein, no Oriente Médio, e foi criada na capital inglesa. O jornal noticiou que seu marido, Alexander Gilkes, frequentou a mesma escola em que Harry estudou, e que ela é uma amiga íntima de Markle. As duas teriam viajado juntas em 2016.

Mas o "Daily Telegraph" encontrou outra resposta, dizendo se tratar de Violet Von Westenholz, amiga de Harry que trabalhou com Markle em junho de 2016, um mês antes do suposto encontro.

PRIMEIRO EVENTO JUNTOS

Harry e Markle atenderam nesta sexta (1º) seu primeiro evento juntos desde o noivado. O  casal, que subirá ao altar em maio de 2018, cumprimentou uma multidão que os aguardava na porta do Museu Nacional de Justiça.

Markle recebeu flores e cartões da população antes de seguir para o evento, criado para gerar conscientização sobre a Aids, HIV e criminalidade juvenil.

A americana enfrentou o frio com um casaco azul-marinho da marca Elodie e botas pretas. Por baixo, ela vestiu uma saia longa bege que combinava com o cachecol do futuro marido. A peça, da marca Joseph Fashion, esgotou poucas horas após a aparição.


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem