Bichos

Sucuri é vista nadando ao lado de garoto de 8 anos em piscina de resort em Goiás

Rio Quente Resorts diz que área era restrita e que animal foi capturado e solto na natureza

Área do Rio Quente Resorts, em Goiás
Área do Rio Quente Resorts, em Goiás - Roberto de Oliveira/Folhapress
São Paulo

Uma cobra da espécie sucuri foi vista nadando em uma das piscinas do Rio Quente Resorts, localizado a cerca de 30 km da cidade de Caldas Novas (Goiás), na tarde do último sábado (5).

O Rio Quente é o maior complexo de águas termais da América do Sul. Ele é conhecido por suas piscinas naturais de águas termais.

A hóspede Dayse Alves de Souza contou ter visto o animal no Parque das Fontes, que fica dentro do complexo, enquanto o filho dela, Heitor Alves do Carmo, de 8 anos, estava nadando.

"Ele chegou na parte onde sai uma água quentinha. Quando ele sentou, a sucuri estava do lado dele", afirmou ao G1. "Ele [se] assustou demais e saiu correndo."

"Foi um grande livramento. Se essa cobra tivesse enrolado nele, e asfixiado, por mais que ele saiba nadar, [é] bem perigoso", avaliou. "[Foi uma] situação bem traumática."

De acordo com a administração do complexo, a área onde a cobra foi vista não é aberta ao público e fica separada do resto do complexo por uma grade na piscina. Ao G1, a mãe de Heitor disse que não havia sinalização de que a área era proibida.

"No mesmo momento em que a equipe do resort teve ciência, a piscina foi evacuada para tentar fazer a captura da cobra e a soltura em outra área da natureza", diz comunicado enviado ao F5. "Apesar do susto e apreensão normal de todos, a cobra estava em uma área restrita e acabou voltando para a mata."

O parque diz que o animal foi solto em um local seguro, longe das piscinas.

*

Leia a íntegra do comunicado do Rio Quente Resorts

"Neste sábado, dia 05 de setembro, o Rio Quente, localizado em uma área de mais de 1.000.000 m² em meio à natureza exuberante do cerrado brasileiro na cidade de Rio Quente (GO), foi surpreendido com a presença de uma cobra sucuri que estava em uma das nascentes do Parque das Fontes, que é separada por uma grade da piscina. Nessa nascente não é permitida a entrada de hóspedes.

No mesmo momento em que a equipe do resort teve ciência, a piscina foi evacuada para tentar fazer a captura da cobra e a soltura em outra área da natureza. Apesar do susto e apreensão normal de todos, a cobra estava em uma área restrita e acabou voltando para a mata.

O Rio Quente reforça que preza pela segurança dos seus hóspedes e também pela preservação do ecossistema local, fazendo vistorias permanentes e mantendo equipe treinada para lidar com situações como estas.

A cobra foi capturada e solta em local seguro longe das piscinas."

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem