Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Astrologia

Astrologia e política: Veja previsões para Lula, Bolsonaro, Moro, Ciro e Doria

Como será 2022 para os principais nomes na disputa presidencial

Jair Bolsonaro, Lula, Sérgio Moro, João Doria e Ciro Gomes

Jair Bolsonaro, Lula, Sergio Moro, João Doria e Ciro Gomes Alan Santos/PR, Divulgação, Agência Senado, Pedro Ladeira e Eduardo Knapp/Folhapress

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Erramos: esse conteúdo foi alterado
São Paulo

O ano de 2022 será agitado na política brasileira com a eleição para presidente. Cinco políticos são apontados até o momento como os principais candidatos ao cargo: Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o atual presidente Jair Bolsonaro (PL), Sergio Moro (Podemos), Ciro Gomes (PDT) e João Doria (PSDB).

O tarólogo Hugo Borges, a consultora espiritualista Maria Itália e a terapeuta holística Lígia Schincariol fazem as previsões sobre como será o novo ano para eles. Segundo Borges, porém, surgirá, em meados de 2022, um novo nome que ganhará destaque no pleito presidencial. "As eleições serão um marco", diz ele.

LULA

Candidato que está à frente com folga nas principais pesquisas eleitorais à Presidência do Brasil, Lula é um escorpiano que, segundo a terapeuta holística Lígia Schincariol, tende a ser líder por toda a sua trajetória. "Ele tem o desafio de exercer o poder a vida toda", afirma ela.

Ela complementa que o petista estará vibrando uma energia de harmonia até 27 de outubro de 2022, quando faz aniversário e um novo ciclo se inicia. "A partir desta data, ele entrará em um ano de introspecção".

Já a consultora espiritualista Maria Itália e o tarólogo Hugo Borges afirmam que Lula precisa dar uma atenção para a saúde em 2022.

BOLSONARO

Atual presidente do Brasil e em segundo nas pesquisas eleitorais para a Presidência, Bolsonaro também precisa dar uma atenção para a saúde, segundo o tarólogo Hugo Borges. Além disso, Borges diz que Bolsonaro enfrentará dificuldades internas no governo e prevê a saída de Paulo Guedes do Ministério da Economia.

Já Lígia Schincariol afirma que 2022 será um período de expansão e crescimento para o atual presidente, especialmente após seu aniversário, em 21 de março. "Durante todo o ano, a comunicação dele estará em alta."

A consultora espiritualista Maria Itália diz que, embora muitos considerem que a imagem de Bolsonaro esteja saturada, o político tem a confiança de uma parcela da população e "vai conseguir muitos votos" em 2022.

SERGIO MORO

Ex-ministro da Justiça do governo Bolsonaro e ex-juiz, Sergio Moro está em terceiro lugar na corrida presidencial para 2022, com 9% das intenções de votos, segundo pesquisa Datafolha divulgada no dia 16 de dezembro.

Segundo Maria Itália, o pleito será um canal para ele entrar de vez na política, mas sua participação pode não ser tão expressiva.

Já Lígia Schincariol afirma que Moro está em um período de grande movimentação, fazendo contatos com todos os tipos de pessoas e reorganizando a sua vida. "Após o seu aniversário [em 1º de agosto], ele entrará em um período de muita harmonia, focando o bem-estar da comunidade e da sua família", diz.

CIRO GOMES

Em quarto lugar na pesquisa Datafolha com 7% das intenções de votos para presidente, o ex-governador do Ceará Ciro Gomes pode conseguir se destacar ao longo de 2022. "É um nome que vai ganhar um espaço maior ao longo das eleições com os discursos dele", diz Maria Itália.

Lígia Schincariol diz que em 2022 o político vai vibrar harmonia "voltada para a família e a comunidade". "Ciro Gomes é um escorpiano, com temperamento intuitivo e uma alma que visa a liderança. Ele tem como desafio de vida as parcerias em geral", afirma ela.

JOÃO DORIA

Governador de São Paulo e em quinto na pesquisa Datafolha à Presidência, com 4% das intenções de voto, João Doria terá momentos "bem complicados na eleição", segundo Maria Itália.

Já Lígia Schincariol afirma que, em 2022, Doria vai vibrar em uma energia de harmonia com um olhar mais afetivo e familiar para a sua vida. "Ele tem uma alma que estuda todos os passos a tomar", diz ela.

ERRAMOS: O conteúdo desta página foi alterado para refletir o abaixo

O presidente Jair Bolsonaro é filiado ao PL, não ao PT. O texto foi corrigido.

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem