Você viu?

Placa na sala do papa veta 'mimimi'

This photograph released by The Vatican Insider - La Stampa newspaper, shows the banner reading " Forbidden to Complain " on the door of the private apartment of Pope Francis at The Vatican on July 12
Papa coloca um aviso em sua porta: 'É proibido reclamar' - VATICAN INSIDER - LA STAMPA; AFP


Um curioso aviso foi colocado na porta do quarto do papa Francisco na casa Santa Marta, no Vaticano: "É proibido reclamar". 

Diz o recado, em tradução livre: "A punição será duplicada caso a violação seja cometida na frente de crianças. Para nos tornarmos o melhor de nós mesmos, é preciso que nos concentremos no nosso potencial, não nos nossos limites, portanto, pare de se lamentar e aja para mudar sua vida para melhor."

Trata-se de um presente dado pelo psicólogo Salvo Noé, autor de vários livros e cursos motivacionais, durante uma audiência-geral na Praça de São Pedro, e que o Papa decidiu colocar na entrada do seu aposento.

Francisco está de férias e tem recebido vários amigos e sacerdotes em suas instalações particulares.

A história foi divulgada junto a uma foto da placa pelo vaticanista Andrea Tornielli na editoria "Vatican Insider" do jornal italiano "La Stampa".

Com tom de brincadeira, a placa também alerta que "transgressores são sujeitos a uma síndrome de vitimismo com a consequente diminuição do tom de humor e da capacidade para resolver problemas".

This photograph released by The Vatican Insider - La Stampa newspaper, shows the banner reading " Forbidden to Complain " on the door of the private apartment of Pope Francis at The Vatican on July 12
Papa coloca um aviso em sua porta: 'É proibido reclamar' - VATICAN INSIDER - LA STAMPA; AFP


Final do conteúdo

Últimas Notícias

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem