Aviso
Este conteúdo é para maiores de 18 anos. Se tem menos de 18 anos, é inapropriado para você. Clique aqui.

Você viu?
Descrição de chapéu Natal

Bilionário presenteia familiares com dinheiro para comprar ações no Natal

Warren Buffett também costuma comprar vestidos e chocolates

O bilionário Warren Buffett, CEO da Berkshire Hathaway - Reuters
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O investidor e filantropo norte-americano Warren Buffett, 91, é bastante estratégico na hora de comprar presentes de Natal para sua família e amigos. Entre a lista dos itens favoritos do bilionário, estão vestidos, chocolates e envelopes com dinheiro para comprar ações.

Mary Buffett, que foi casada com Peter, filho de Warren, contou que ele presenteava os familiares com US$ 10 mil, cerca de R$ 56 mil. Ela ainda revelou, em entrevista a ThinkAdvisor no ano de 2019, que o presente vinha totalmente "em notas de US$ 100".

Mary afirmou que, quando o maior investidor do mundo percebeu que seus familiares apenas gastavam o dinheiro, ele decidiu dar o valor em ações. "Em vez de dinheiro, ele nos deu US$ 10 mil em ações de uma empresa que comprou recentemente, um fundo que a Coca-Cola tinha. Ele disse para vendê-los ou mantê-los", completou ela, que optou por manter as ações.

Além disso, vestidos também estão em sua lista. Segundo a escritora Alice Schroeder, em 1960, ele foi visitar a Topps, uma clássica loja de vestidos localizada em sua cidade natal, Omaha, em Nebraska, e entregou ao funcionário uma lista dos tamanhos de vestidos de todas as mulheres de sua vida.

"Eu ia lá e eles traziam os vestidos", contou Buffett. "Eu tomava uma variedade de decisões e comprava presentes para minhas irmãs Susie, Gladys e assim por diante. Eu meio que gostei", completou o bilionário.

Além disso, sua grande amiga Carol Loomis contou ao site Fortune que o investidor costuma dar doces da marca See's Candies --empresa a qual ele comprou no ano de 1972-- aos amigos e parentes. Cada caixa vem com um cartão de Natal anual anexado.

No ano de 2013, o cartão contava com uma foto do bilionário fantasiado de Walter White, de "Breaking Bad", com a frase "Tenha um pequeno Natal com metanfetamina". Em 2016, ele e seu parceiro de negócios, Charlie Munger, apareceram vestidos com gravatas pretas para sua introdução no Texas Business Hall of Fame.

No ano passado, o cartão vinha com uma foto dele com a mão em volta de um busto de Munger, que não estava presente na comemoração devido à pandemia de Covid-19. Ele vestia um suéter que dizia: "Você nunca pode ter muito amor ou muito molho", e a legenda completava: "ou muito Charlie".

Final do conteúdo
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem