Você viu?

Modelo rouba R$ 1,2 milhão de avó com demência para ostentar vida de luxo na Inglaterra

Emily Evans-Schreiber foi desmascarada e presa

Emily Evans-Schreiber, que roubou a vó com demência
Emily Evans-Schreiber, que roubou a vó com demência - Reprodução
São Paulo

Uma modelo se aproveitava da condição de demência da avó, de 90 anos, para roubar dela o equivalente a R$ 1,2 milhão e ostentar uma vida de luxo na Inglaterra. As informações são da BBC.

De acordo com o veículo, a modelo Emily Evans-Schreiber, 38, ficou responsável por cuidar da avó em 2018, que sofria de demência e, posteriormente, acabou morrendo. Porém, durante o ano em que ficou encarregada dela, fez mais de 40 transações financeiras das contas da idosa para a dela. 

Começou a gastar muito dinheiro em férias, roupas de luxo, óculos, hotéis de renome, produtos de grife e viagens. A riqueza repentina chamou a atenção da mãe de Emily, já que a mulher estava desempregada. Foi então que ela entrou em contato com o banco e com a polícia.

Emily foi desmascarada e presa. A polícia obteve extratos bancários da conta da avó e descobriu todas as transações para Evans. Vários produtos de luxo foram encontrados na casa da mulher.

​Evans-Schreiber sofria de depressão e passou um tempo viciada em álcool e até se internou em uma clínica. Acabou pegando dois anos de pena mais 150 horas de trabalho voluntário e tratamento contra a bebida.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem