Você viu?

Papa Francisco precisa ser socorrido por bombeiros após ficar preso em elevador

Pontífice esperou 25 minutos para ser resgatado e se atrasou para oração dominical

Papa Francisco no Angelus deste domingo (1º)
Papa Francisco no Angelus deste domingo (1º) - Tiziana Fabi/AFP
São Paulo

Um imprevisto impediu o Papa Francisco, 82, de chegar no horário para a tradicional oração dominical na praça São Pedro (chamada de Angelus), neste domingo (1º).

Ao aparecer na janela que dá para o ponto turístico do Vaticano dez minutos mais tarde que o habitual, o pontífice logo se explicou.

"Eu preciso pedir desculpas", disse antes de contar aos fiéis que ficou preso em um elevador, de acordo com a agência de notícias Reuters.

Foram 25 minutos esperando para ser socorrido, até que bombeiros do Vaticano chegaram para ajudar o papa. O imprevisto teria sido causado por uma falha na eletricidade.

Em seguida, o líder da Igreja Católica pediu à multidão que o assistia uma salva de palmas para o corpo de bombeiros.

Final do conteúdo

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem